Vencedores do VIII Festival de Música e Dança de Mata de São João se apresentam no TAMAR

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Dia 3 de junho, sábado, os vencedores do VIII Festival de Música e Dança de Mata de São João 2017 vão cantar na Serenata no TAMAR pela proteção às tartarugas marinhas. 

O Festival de Música e Dança, ao longo de suas sete edições já realizadas, premiou os Jovens matenses em mais de 60 mil reais, dentre as conquistas de melhor Banda, melhor composição, melhor interprete, melhor companhia de Dança e melhor dançarino. Revelando os novos talentos e consagrando aqueles que já estão na estrada há anos, o Festival tem como principal objetivo incentivar as produções artísticas da terra proporcionando uma grande oportunidade para que cantores, compositores e grupos de dança do município mostrem o seu talento. 

Já na sua primeira edição o Festival foi um sucesso e lotou a Casa da Cultura nas eliminatórias e levou um grande público ao Parque da Cidade na Final. A tradição foi se concretizado e ao longo dos anos cada vez era maior a ansiedade, a garra e o comprometimento dos jovens artistas do Município de Mata de São João para mostrar seu talento, sempre amparados por uma completa estrutura que lhes permitiam emocionar jurados, familiares e todo público presente, que em todas as edições prestigiou com entusiasmo todas as apresentações. 

O Projeto TAMAR começou nos anos 80 a proteger as tartarugas marinhas no Brasil. Com o patrocínio da Petrobras, por meio do programa Petrobras Socioambiental, hoje o projeto é a soma de esforços entre a Fundação Pró-TAMAR e o Centro Tamar/ICMBio. Trabalha na pesquisa, proteção e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção: tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), tartaruga-de-pente (Eretmochelys imbricata), tartaruga-verde (Chelonia mydas), tartaruga-oliva (Lepidochelys olivacea) e tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea). Protege cerca de 1.100 quilômetros de praias e está presente em 25 localidades, em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso das tartarugas marinhas, no litoral e ilhas oceânicas dos estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina.
Visite o Museu da Tartaruga Marinha na Praia do Forte e confira a exposição.

Exposição 'TAMAR 35 Anos: Uma homenagem à primeira geração de tartarugas marinhas de sobrenome Tamar'.
Data: Durante todo o mês de junho até 20 de julho.Tel: 71 3676-0321
Local: Projeto TAMAR Praia do Forte, Mata de São João, Bahia.Visite: www.tamar.org.br
Mais informações: http://www.tamar.org.br/centros_visitantes.php?cod=1 E-mail: centrodevisitantes@tamar.org.br

0 comentários:

Postar um comentário

 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©