O outro lado de todas as coisas volta a cartaz em maio no MAB

quinta-feira, 27 de abril de 2017

 Espetáculo faz parte do projeto “Solos Voadores – espetáculos em solos menores” da companhia ATeliê voadOR
 “O bicho homem não faz outra coisa a não ser falar de amor”. Esta frase é um pequeno trecho do que é o espetáculo O Outro Lado de Todas as Coisas, com o ator Duda Woyda, que fica em cartaz todas as quintas-feiras de maio (04, 11, 18 e 25), às 19h, no Laboratório de Experimentação Estética, do Museu de Arte da Bahia, no Corredor da Vitória.

O espetáculo, que marca a estreia na direção conjunta do ator Rafael Medrado e Marcus Lobo, é uma homenagem ao escritor gaúcho Caio Fernando Abreu, morto em 1986. “Caio F. e sua impressão do amor são, sem dúvida, as maiores razões dessa montagem. A sua visão do amor é sempre intensa. Mergulhava no amor sem redes de proteção e isso é muito paradoxal, fascinante e apavorante”, descreve Thürler. 

Rafael Medrado e Marcus Lobo explicam que o espetáculo converge a premissa artística mais emergente da Companhia, que é de falar do homem contemporâneo, nesse caso, diante de uma das suas mais antigas questões, o amor.

O outro lado de todas as coisas faz parte do projeto Aqueles que Habitam o Tempo, mantido pelo Edital de Apoio a Grupos e Coletivos Culturais da Fundação Cultural do Estado da Bahia de 2014.

Vídeo: O Outro Lado de Todas as Coisas: https://www.youtube.com/watch?v=0VuKo1NDtxA

ServiçoO outro lado de todas as coisas – com Duda Woyda
Onde: Laboratório de Experimentação Estética, no Museu de Arte da Bahia (MAB), no Corredor da Vitória
Quando: 04, 11, 18 e 25 de maio, quinta-feira, 19 horas Quanto: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

0 comentários:

Postar um comentário

 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©