Espetáculo gratuito explora universo feminino a partir de objetos do cotidiano

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Tecendo Volúpias, do grupo brasiliense As Caixeiras Cia de Bonecas, utiliza teatro de objetos e se inspira no cinema para falar sobre os diversos tipos de volúpia.
De 10 a 12 de novembro, será apresentado, no Teatro Gamboa Nova, o espetáculo Tecendo Volúpias, do grupo brasiliense As Caixeiras Cia de Bonecas. Em cena, três atrizes alternam-se em situações cotidianas e utilizam objetos para explorar os diversos tipos de volúpia: a sexual, a alimentar, a idílica, a paranóica, a violenta, entre outras.

Em Tecendo Volúpias, a utilização dos objetos extrapola as funções e códigos estabelecidos para eles na vida cotidiana. Através dessa ressignificação, o espetáculo permite que as atrizes rompam a atividade rotineira em ápices de volúpia.  A trilha sonora original é executada ao vivo e dialoga com as cenas, ora como personagem, ora apenas pontuando as ações. Contribuem também para a trilha sonora músicas incidentais, onde o contrabaixo elétrico e a percussão atuam como uma espécie de fio condutor para as volúpias possíveis.
 Em cena, as atrizes Amara Hurtado, Jirlene Pascoal e Mariana Baeta são acompanhadas pelos músicos Munha e Lupa Marques. Depois de Salvador, Tecendo Volúpias, que é dirigido por Catarina Accioly, será apresentado em Porto Alegre, São Paulo e Brasília. 

A companhia - As Caixeiras Cia de Bonecas foi criada em 2007, em Brasília, com o objetivo de pesquisar o Teatro Lambe-lambe (estilo teatral que apresenta pequenas encenações de curta duração dentro de reduzidas caixas cênicas). À partir dessa pesquisa, o grupo criou seus primeiros espetáculos e desenvolveu oficinas e eventos com o intuito de difundir cada vez mais esse estilo teatral. Além do Teatro Lambe-lambe, As Caixeiras pesquisam e criam espetáculos de Teatro de Formas Animadas de maneira geral.  
O grupo idealiza e executa projetos de pesquisa teatral, como também projetos educativos e sociais com o objetivo de possibilitar que o maior número de pessoas tenham acesso aos bens culturais de sua cidade. Dentro dessa vertente o grupo idealizou e executou os projetos “Circulando pelas Bibliotecas Públicas de Brasília” (circulação de espetáculos de Teatro Lambe-lambe em Bibliotecas Públicas do DF), “Teatro nos Jardins” (Circulação de espetáculos em Jardins de Infância), “Hoje tem Teatro na Minha Escola” (Circulação de espetáculos em Centro de Educação Infantil do DF).

 SERVIÇO: Quando:  Quinta, sexta e sábado (10, 11 e 12/11), às 20h Entrada franca
Onde: Teatro Gamboa Nova (R. Gamboa de Cima, 3 – Aflitos) Classificação: 14 anos

0 comentários:

Postar um comentário

 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©