Tenor chileno traz a cultura andina para Salvador

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Apresentação será no dia 23 no TCA. No dia 22, o cantor tem encontro com o público no auditório do Instituto Cervantes de Salvador

O tenor chileno Miguel Angel Espinoza Pellao faz apresentação única e inédita em Salvador no dia 23 de setembro, próxima sexta-feira. Acompanhado do maestro e pianista baiano Eduardo Torres (Osba), Angel interpretará diferentes temas, de ópera a música popular, em composições de Víctor Jara, Violeta Parra e Giusseppe Verdi. O concerto é uma realização da Embaixada do Chile, com apoio do Instituto Cervantes, e acontecerá no Teatro Castro Alves, às 20h30. Ingressos a R$10 e R$5.

No dia 22 de setembro, véspera do concerto no TCA, o Instituto Cervantes de Salvador promove um encontro de Miguel Angel com o público baiano, às 18h30, no seu auditório, com entrada franca. Será uma oportunidade para se conhecer um pouco mais o trabalho do tenor, um dos responsáveis pela difusão da música lírica latinoamericana no mundo. Ano passado, Angel foi convidado para se apresentar na Expo Milão, onde seu show foi um sucesso de público.

O tenor nasceu na região de BíoBío, no Chile, e teve uma formação musical rigorosa. Estudou três anos de canto sob a orientação do maestro Mateo Palma no Conservatório Vivaldi, em Concepción, na região sul do país. Na capital, Santiago, se formou como bacharel em Artes Musicais, na Universidade do Chile, sob a batuta de Hans Stein.
 O jovem tenor já se apresentou ao lado de grupos importantes da música chilena, como Los Jaivas e IntiIllimani. Em junho de 2014, Angel lançou seu primeiro CD,Tributo a mi pueblo, integrado por dez canções em homenagem aos pehuenches, povo indígena que forma parte da cultura “mapuche”, e habita os dois lados da Cordilheira dos Andes.

Sobre o cantor - O chileno Miguel Ángel Espinoza Pellao nasceu na região de BíoBío e foi criado na comunidade de Santa Bárbara. Aos cinco anos, após a morte de seu pai, entrou no internato para crianças indígenos "Padre Remigio Gubaro". Ali, escutou pela primeira vez música lírica, graças a uma fita cassete presenteada por voluntários belgas que prestavam auxílio ao orfanato. Aos 10 anos, começou a cantar, sem saber que se tornaria um grande tenor pehuenche.

Em 2006, viajou para a Itália para estudar canto em Pescara, cidade perto de Roma, no Conservatório Luisa D'Annunzio, com o professor Paolo Speca. Durante a sua estada na Europa, apresentou-se em grandes locais como Kavatik, Associação Cultural Roma, Intercultural AssociationUlisse Pescara Teatros Teramo, Atri, Firenze, Ortona, Vasto, Ferno, Chieti e Teatro Cultural de Lugano, Suíça, entre outros . Em 2013, participou de três concertos de Victor JaraSymphonic, na Cidade do México, Estado do México e Oaxaca. Além disso, fez show no Auditório Nacional, com IntiIllimani, Quilapayún e outros artistas populares do concerto "40 Anos, os Mesmos Sonhos", um tributo musical para Victor Jara, Pablo Neruda e Salvador Allende. Em 2015, foi convidado especial na Expo 2015 Milão, Itália, onde fez três shows aclamados no pavilhão "Love of Chile". Este ano excursionou pela França e Grécia, entre outros países.

Serviço: Concerto de Miguel Angel Pellao Data: 23/09 Horário: 20h30
Local: Teatro Castro Alves Ingressos: R$10 e R$5

0 comentários:

Postar um comentário

 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©