Amílcar de Castro expõe na Paulo Darzé Galeria de Arte

terça-feira, 23 de agosto de 2016

A Paulo Darzé Galeria de Arte inaugura no dia 2 de setembro, às 20 horas, com temporada até o dia 1º de outubro, uma mostra de Amílcar de Castro, apresentando 20 esculturas - em madeira, ferro, e aço corten -, e 31 pinturas - 6 sobre papel e 25 sobre tela, com curadoria de Rodrigo de Castro, que também assina o texto do livro/catálogo observando que esta é uma obra criada “acreditando sempre em si, nas certezas de ser, como também naquelas de não ser, o caminho da sua arte. Acreditando sempre no fazer para realizar, mesmo que os contrários sejam muitos, os valores desvalores e a angústia a espreitar as inseguranças da vida. Acreditando sempre e até o fim realizou uma obra fora do tempo. Hoje ou em qualquer tempo, Amilcar de Castro sempre irá surpreender e preencher nosso olhar, nossa alma, com o inusitado, o novo, a arte pura de um mestre que, com sabedoria, empurrou o fim para um depois, mais e muito além do tempo. Possível apenas quando a vida e a arte, mutuamente atraídas, realizam o incomum, o raro e impensável”. 
                                                                                                              
A exposição de Amilcar de Castro na Paulo Darzé Galeria pode ser considerada um panorama dos vários períodos da sua criação, a visão de seu trabalhar com os diversos materiais, o corte e a dobra na matéria, o fazer rigoroso da forma, o equilíbrio da composição, o despojamento do ritmo e da expressividade que o gestual imprime sobre a superfície, aí tanto fazendo ela ser bi ou tridimensional, grandes ou pequenos formatos, pois o que temos é a linguagem poética pessoal de quem criou uma obra singular, artista integrante do movimento neoconcreto, momento de radical mudança no cenário e na História da Arte Brasileira, se tendo assim a visão de um artista de múltiplas atividades ao ser escultor, gravador, desenhista, pintor, diagramador (destaque para a transformação gráfica efetivada no Jornal do Brasil), cenógrafo, professor de composição, escultura, desenho e teoria da forma na Faculdade de Belas Artes da UFMG.

A mostra de Amílcar de Castro na Paulo Darzé Galeria de Arte (Rua Dr. Chrysippo Aguiar 8, Corredor da Vitória, tel-32670930, www.paulodarzegaleria.com.br), com inauguração no dia 2 de setembro, às 20 horas, estará aberta a visitação do público até o dia 1º de outubro, de segunda a sexta, das 9 às 19 horas, e sábados das 9 às 13 horas.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©