Filarmônicas deram o destaque ao Cortejo 2 de Julho

sábado, 2 de julho de 2016

Sete bandas e três manifestações populares participaram do cortejo do Barbalho até o Centro Histórico

Vindas de várias cidades baianas, bandas e manifestações populares desfilaram no 2 de Julho, na manhã deste sábado, contando com apoio da Funceb/SecultBA. A chuva que caiu esporádicamente, fininha, serviu para cumprir mais uma tradição, lavando a alma e os corações brasileiros que acompanharam o cortejo do Barbalho até o Centro Histórico de Salvador. "Quem tem fé vai a pé", alguns comentavam, repetindo a máxima da Festa do Senhor do Bonfim. Esta festividade, do dia 2 de Julho, clama à cidadania, à luta pela independência, no passado, presente e futuro. Gestores da Secretaria de Cultura do governo participaram do evento. Diretora da Funceb, Fernanda Tourinho acompanhou as bandas e manifestações entoando hinos.

Participaram do desfile organizado pela Coordenação de Música/Dirart da Funceb: Filarmônica Santamarense (Vera Cruz), Filarmônica Terpsícore Popular (Maragogipe), Filarmônica 5 de Março (Muritiba), Filarmônica União Sanfelixta (São Felix), Filarmônica Filhos de Apolo (Santo Amaro), Filarmônica Amantes da Lyra (Santo Antônio de Jesus), Filarmônica Ramos da Oliveira (Santo Amaro) e os grupos populares Rancho do Papagaio (Saubara), Samba de Roda Vovô Pedro (Saubara) e Chegança de Mouros Barca Nova.

Presidente e maestro da Sociedade Filarmônica Ramo de Oliveira, Márcio de Freitas Bandeira esteve á frente da primeira participação da banda, no desfile. Ele destacou como muito importante para os músicos a oportunidade de uma jovem filarmônica participar do cortejo: “É uma chance de conhecer Salvador, fazer parte de um dos eventos mais significativos da nossa história. É um grande incentivo para os músicos continuarem na banda”.

Ademir Bejmaim dos Santos, da manifestação Samba de Roda Vovô Pedro, declarou que “é um orgulho muito grande participar do 2 de julho porque a cultura nossa aqui é o samba. Essa oportunidade só tem a nos engrandecer, é um evento tão importante que a gente fica muito feliz de poder divulgar a nossa cidade de Saubara”. Éle complementou que também é uma honra pela importância que o 2 de Julho tem para a Bahia e que todos só têm a agradecer por poder expandir ações, saindo da cidade e fazendo o grupo ficar conhecido por mostrar as coisas boas da cidade.

Depois do desfile, as bandas e manifestações populares participaram de confraternização com almoço, no Centro de Formação em Artes (CFA) e no Auditório Liceu/Funceb.
Fotos: Jaiane Santos

0 comentários:

Postar um comentário

 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©