Anima Bahia começa a produzir filmes

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Núcleo Criativo começa a produzir séries e filmes como único grupo baiano entre as 28 empresas do país contempladas com o PRODAV 03/2013 do FSA (Fundo Setorial do Audiovisual), da ANCINE (Agência Nacional do Cinema)

O Anima Bahia começa a desenvolver animações no estado. As ações iniciadas esta semana são fruto de seleção no concorrido edital de Núcleos Criativos da Ancine, e é a única iniciativa da Bahia que figura entre as de 28 empresas contempladas no país com o PRODAV 03/2013 no FSA (Fundo Setorial do Audiovisual). “O Anima irá desenvolver uma carteira de no mínimo cinco projetos exclusivamente de animação, o que muito soma para colocar efetivamente o estado entre os principais expoentes do setor no Brasil”, detalha Maria Luiza Barros, diretora de planejamento da Origem Produtora de Conteúdo, autora do projeto aprovado.
Entre as produtoras selecionadas pelo edital estão: O2, Conspiração, Gullane e Casa de Cinema de Porto Alegre, entre outras grandes referências do audiovisual brasileiro. No total os recursos do FSA somam R$ 27 milhões, voltados para a estruturação de núcleos criativos de desenvolvimento de projetos audiovisuais independentes do país, que resultarão em 165 projetos de filmes e obras para televisão.  “O incentivo para a animação é importante, pois ainda existem muitas dificuldades no mercado”, considera Ducca Rios, diretor artístico da Origem. Ele lidera o núcleo criativo que conta como nomes como o de Cândida Liberato, filha do pioneiro da animação baiana Chico Liberato (O Boi Aruá, 1985).
O Anima vai desenvolver, durante 18 meses, um conjunto de quatro séries e um filme, todos projetos voltados para o público infantil.

 Potencial de mercado
Ducca Rios analisa a trajetória de produtos da Origem como um reflexo da visão de que, “para atuar no mercado de animação é muito importante firmar parcerias e olhar para fora do estado e do país”.
O mercado tem potencial. No anúncio do edital dos núcleos criativos, o diretor-presidente da ANCINE, Manoel Rangel, enalteceu a reação das empresas, elaborando projetos consistentes de estabelecimento de núcleos criativos de desenvolvimento de carteira de projetos, o que “pode vir a se tornar um divisor de águas na maneira como se trabalha o planejamento a médio e longo prazos das obras audiovisuais no Brasil”.
Sobre a Origem Produtora de Conteúdo.
Origem é uma produtora de conteúdo localizada em Salvador, Bahia, Brasil. Foi fundada por Ducca Rios e Maria Luiza Barros em 1995 e o seu foco de atuação está sobretudo no cinema e no audiovisual. Mas na Origem também se tem construído projetos para outras áreas artísticas e ligadas à cultura, incluindo artes visuais, educação, desenvolvimento sustentável e música. Neste segmento, no primeiro trimestre de 2015 a empresa lança o CD solo da Patrícia Hita, Panapaná. A Origem é membro da mais importante associação de produtoras de televisão independentes do Brasil, a ABPITV.
Para 2015 a Origem aguarda os recursos já aprovados para iniciar as séries de animação Tadinha (através de Edital do Fundo de Cultura da Bahia e do FSA) e Bill, o Touro (através de Edital do IRDEB/BA com o FSA). Além do projeto Saberes Passados, série documental concebida por Ducca Rios e aprovada pelo Edital da Fundação Gregório de Matos e FSA.

 CONTATOS: Ducca Rios (Diretor Artístico da Origem Produtora de Conteúdo) – 71 8126-2973
Maria Luiza Barros (Diretora de Planejamento da Origem Produtora de Conteúdo) – 71 8126-2971 * 71 3263-0232
 www.origemprodutora.com/

0 comentários:

Postar um comentário

 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©