1 2

Dia do Marinheiro é comemorado em Salvador

O Comando do 2º Distrito Naval (Com2ºDN) realizará, no próximo dia 13 de dezembro, a partir das 11h, a cerimônia militar do Dia do Marinheiro, em homenagem ao aniversário de nascimento do Almirante Joaquim Marques Lisboa, o Marquês de Tamandaré, Patrono da Marinha do Brasil (MB).
A cerimônia, que será realizada no Forte de Santo Antônio da Barra, onde estão localizados o Farol da Barra e o Museu Náutico da Bahia, terá como destaques o hasteamento do Pavilhão do Patrono da Marinha, acompanhado por salva de 19 tiros de canhão disparados por navio da Marinha, a condecoração de personalidades e autoridades civis e militares com a Medalha “Mérito Tamandaré” e a premiação de estudantes vencedores do concurso de redação da “Operação Cisne Branco”, incluindo o baiano Matheus de Souza, vencedor nacional no ensino fundamental.
Na Bahia, o Dia do Marinheiro tem um significado especial, pois entre 1844 e 1846 o Almirante Tamandaré comandou, ainda como Capitão de Fragata, a Divisão Naval do Centro, Organização Militar sediada em Salvador/BA, percussora do Comando do 2º Distrito Naval. Também foi nos mares da Bahia que o Almirante Tamandaré teve seu batismo de fogo aos 15 anos, como voluntário da recém-criada Armada Imperial que, em 1823, combateu a esquadra portuguesa que se opunha à independência do Brasil.
Além da cerimônia do “13 de Dezembro”, os seguintes eventos compõem as comemorações da Semana da Marinha em Salvador:
13 de dezembro: Exposição temática da Marinha do Brasil
Equipamento militares, réplicas, vídeos, material de sinalização náutica, simulador de navegação, informações sobre segurança da navegação e como ingressar na Marinha e até mesmo um simulador de navegação.
Evento aberto ao público no largo do Farol da Barra, a partir das 10h.

16 de dezembro: 1ª Corrida do Marinheiro
Corrida não competitiva com participação de pelotões de organizações militares da Marinha Brasil e de outras Forças.
Evento aberto ao público, no Largo do Farol da Barra, a partir das 16h.
17 de dezembro: 46ª Regata João das Botas,
Tradicional regata de saveiros na Baía de Todos os Santos, com largada da praia do Porto da Barra, a partir das 13h.
18 de dezembro: Sessão Especial do Dia do Marinheiro
Eventos para convidados, na Assembleia Legislativa da Bahia, a partir das 10h.
Leia mais

Verão exige cuidados especiais com a saúde na terceira idade

Em Salvador existem cerca de 250 mil idosos, que correspondem a quase 10% da população soteropolitana, segundo o IBGE. Em relação à saúde, esse público requer cuidados especiais com a chegada do verão. Nesta fase da vida eleva-se o risco de desidratação e urgências por conta de complicações de doenças respiratórias, constipação intestinal, infecção urinária, quedas e desorientação mental súbita. A geriatra do Plano Boa Saúde, Daniela Menezes, fala sobre a importância da ingestão adequada de líquido e dá dicas de como manter o corpo hidratado:

"A água é o nutriente mais importante para a vida, em todas as faixas etárias. A hidratação estimula a atividade dos rins, elimina as toxinas do organismo e evita doenças. Já na terceira idade, há uma tendência maior para a desidratação, já que, com o passar dos anos, se torna mais difícil manter o equilíbrio hidroeletrolítico e temos uma redução da capacidade de sentir sede, uma vez que o estímulo cerebral que provoca essa sensação fica menos ativo", explica a especialista.

A médica ressalta ainda a importância de beber água regularmente e informa que um bom parâmetro para avaliar a hidratação é observar a cor da urina, que deve estar sempre amarela clara.  "Se a urina estiver amarela escura é sinal que o corpo precisa de água. O ideal é a ingestão de aproximadamente dois litros, diariamente".

Outros cuidados:A exposição ao sol é importante para a reposição de vitamina D, mas Daniela Menezes alerta que este procedimento deve ser feito com cautela. "Além do risco de câncer de pele, os idosos são mais propensos a desenvolver hipertermia – quando a temperatura corporal fica acima de 40,5°C. Por isso, deve-se tomar sol todos os dias, de 20 a 30 minutos no início da manhã, lembrando-se de beber água após a exposição. No caso de hipertermia, é necessária a hidratação venosa e a colocação de compressas frias nas axilas e virilhas", esclarece Daniela Menezes.

No verão, recomenda-se usar roupas leves e de cor clara, utilizar filtro solar, chapéu ou boné ao sair no sol, proteger os olhos com óculos escuros, além de evitar esforço físico nos horários mais quentes do dia. É indispensável visitar regularmente um especialista para controlar a saúde e manter a qualidade de vida.
Leia mais

Nos EUA Augusto Cruz se prepara para corrida em prol do combate ao câncer de pâncreas

O corredor Augusto Cruz, o Guga, se prepara para participar de mais uma corrida internacional. Depois da Maratona de Kuala Lumpur, na Malásia, esse ano, a próxima parada será nos Estados Unidos. A Purple Stride Miami 2018 é uma corrida de 5km, que acontecerá no dia 10 de fevereiro, no Tropical Park, em Miami. A disputa traz com ela uma grande causa: a mobilização em torno do câncer de pâncreas.  A corrida tem como símbolo a fita na cor roxa, que representa o combate à doença; e surgiu em 2008, quando um grupo de voluntários em prol de pesquisas e tratamento do câncer de pâncreas criou um evento em Chicago. Na época, determinados a aumentar a consciência sobre a doença, os voluntários conseguiram reunir mais de 1600 pessoas e arrecadaram mais de US$ 380 mil para pesquisa do câncer de pâncreas, que tem um índice de sobrevivência baixo, de apenas 5%.
Desde a primeira caminhada, a PurpleStride foi um veículo poderoso para a captação de recursos e conscientização. Todos os anos, em mais de 50 eventos PurpleStride em todo os EUA, sobreviventes, famílias, pesquisadores, cuidadores, entre outros, se reúnem para reescrever o futuro desta doença mortal. “Poder correr por uma causa é sempre muito bom. No Run Guga Run nós conseguimos em uma pequena mobilização, onde não havia obrigação de doar, arrecadar cerca de meia tonelada de alimentos. O brasileiro é solidário e há muitas iniciativas, no esporte, nesse sentido. Se podemos correr e ajudar a quem precisa, melhor ainda, mesmo que fora de nosso País!”, comenta Guga. A corrida em Miami, inclusive, será um dos capítulos de seu novo livro, que dará continuidade à história de “Corredor Um Estilo de Vida”, primeira obra de Augusto como autor, publicada em 2015.
Leia mais

Assembleia homenageia Associação Bahiana de Medicina

Os 75 anos da Associação Bahiana de Medicina (ABM) serão comemorados na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) com uma sessão especial, proposta pela deputada Fabíola Mansur. O evento será no dia 13 de dezembro, às 9h30, no Plenário da Casa.

Fundada em 11 de outubro de 1942, a ABM atua na promoção dos interesses profissionais dos seus associados, em todos os campos, ético, científico e econômico. "Uma trajetória de 75 anos, construída com muito respeito e credibilidade entre seus filiados e a sociedade baiana, com uma atuação de destaque nos movimentos e ações em prol da categoria e em defesa da saúde pública de qualidade, por isso, apresentamos a proposição, que contou  o apoio dos meus pares", disse a parlamentar, médica de profissão.

Na justificativa do projeto, Fabíola destacou que "Durante a sua existência, a ABM vem cumprindo os objetivos do seu Estatuto, destacando-se o fiel cumprimento dos preceitos éticos da Medicina, a promoção da união da categoria médica, o apoio aos seus associados no exercício profissional, as contribuições para a qualidade do ensino e aprimoramento das políticas de saúde pública e a constante atuação em prol da remuneração digna e compatível com o desempenho o médico".
Leia mais

TCA recebe tradicional Ballet Quebra Nozes

“O Quebra Nozes”, um dos mais tradicionais espetáculos de Ballet Clássico será apresentado no Teatro Castro Alves no dia 10 de dezembro, domingo, às 19 horas. Mundialmente reconhecido como um dos maiores clássicos natalinos, com coreografia original de Marius Petipa e Lev Ivanov, a adaptação da montagem será interpretada pelos bailarinos da unidade Costa Verde da Escola de Ballet Ebateca que este ano celebra 55 anos de fundação. Ingressos R$ 70 (inteira) e R$ 35 (meia).

Com direção geral de Karyne Lacerda, direção artística de Leonice Almeida e trilha original de Tchaikovsky, "O Quebra Nozes" conta a história mágica de uma noite de natal na família da menina Clara e de seu irmão Fritz, entre as aventuras de um boneco quebra-nozes de aparência humana. O Ballet foi presentado pela primeira vez na Bahia, em 1963 pela Ebateca.

 SERVIÇO "O Quebra Nozes" com bailarinos da Ebateca Costa Verde
Quando: 10 de dezembro (domingo), 19h Onde: Sala Principal do Teatro Castro Alves
Ingressos: R$ 70 (inteira) e R$ 35 (meia)
Leia mais

Matilde Matos - 90 Anos de Vida em exposição itinerante

A exposição “90 Olhares para Matilde - 90 Anos de Vida” será inaugurada no dia 12 de dezembro (terça-feira), às 17h, na Galeria Fast Frame, Ladeira da Barra, agora como uma exposição itinerante.
A exposição tem curadoria e produção de Claudine Toulier (filha de Matilde) e Leonel Mattos e foi iniciada, em setembro, no Studio de Leonel Mattos, obras de 90 artistas em pinturas, esculturas e objetos com diversas técnicas, que foram doadas por esses artistas numa forma de homenagear a crítica de arte Matilde Matos, que tanto fez pela carreira de artistas famosos e iniciantes.
A renda da primeira exposição foi revertida para a saúde de Matilde, que fez 90 anos, em maio, e o mesmo será feito com a renda da nova exposição, que conta com obras de  Carybé, Bel Borba, César Romero, Justino Marinho, Terciliano Jr, Fernando Oberlaender, Juraci Dórea, Graça Ramos, Pedro Arcanjo, J. Cunha, José Henrique Barreto, Luiz Cláudio Campos, Darlene Bezerra, Viga Gordilho, Giovana Dantas, Juarez Paraíso, Chico Mazzoni, Leonel Mattos,  Edison da Luz entre outros grandes nomes da arte baiana e brasileira.
Alguns artistas que tiveram seus trabalhos vendidos em setembro doaram novas obras para essa exposição, que irá até 20 de janeiro, das 9h às 18h, de segunda à sexta-feira, e, das 9h às 13h, aos sábados, para visitação pública.
Matilde Augusta de Matos nasceu em 1927, em Caicó, no Rio Grande do Norte, e fixou residência, em 1933, na Bahia, de início, em Serrinha e Feira de Santana e, a partir de 1943, passou a residir em Salvador. Em 1959, passou a assinar crônicas no Jornal da Bahia, coluna que manteve até 1962, quando foi morar no Rio. Em 1968, voltou para a Bahia e para o Jornal da Bahia, onde tinha uma coluna que saía aos domingos e abordava assuntos artísticos e culturais. Fazia entrevistas, reportagens, comentava os trabalhos dos artistas e divulgava a arte que se fazia à época. Fez inúmeras críticas e centenas de apresentações para catálogos de diversos artistas, publicou a obra Fernando Oberlaender – Pintura e Tradução Poética, em 2001, o livro de crônicas A Cidade e as Gentes em 2004, 50 Anos de Arte na Bahia, em 2010, e Água Reflexo da Arte na Bahia, em 2012. Em 2014, fez a doação da “Coleção Matilde Matos” com 80 obras para o Estado da Bahia, que estão abrigadas no Palacete das Artes.
Segundo o artista e crítico César Romero: "Matilde sempre esteve longe dos preconceitos, seja na arte, seja na vida. Sua ampla liberdade em ser, pensar e atuar eram exemplos para os artistas. Sempre falava que seu maior critério era a qualidade de um criador".

SERVIÇO: Exposição “90 Olhares para Matilde –Exposição Itinerante”, com trabalhos de 90 artistas plásticos
Local: Galeria Fast Frame Moldura na Hora – Ladeira da Barra, 3416
Período: segunda à sexta-feira, das 9h às 18h, e sábados, das 9h às 13h. Entrada franca
Leia mais

Mostra de Artes Integradas no Teatro Jorge Amado

O trabalho de conclusão das oficinas do segundo semestre do Projeto Teatro Escola Jorge Amado (PROJETA) realizado pelos alunos de teatro, dança moderna, maquiagem, grafite, produção cultural, iluminação e fotografia,  será exposto na IIª Mostra de Artes Integradas que acontece no feriado da próxima sexta-feira, dia 08, a partir das 14h, no Teatro Jorge Amado.

Com a proposta de discutir o tema “Diferenças”, a mostra terá início no foyer com a exposição fotográfica “Salvacor: Todas as Cores da DiverCIDADE”, que busca captar as vivas cores dos quatro cantos cidade. Em seguida, o espetáculo “Espelhos” e a coreografia da turma de Dança Moderna, intitulada de “Amor” serão encenados.

Com classificação livre e ingressos a R$10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia), o público frequentador do teatro e amigos dos jovens protagonistas do projeto, são convidados para refletir sobre as diferenças interpessoais nas relações sociais contemporâneas, sejam elas de qualquer âmbito.

Serviço: IIª Mostra de Artes Integradas – Projeto Teatro Escola Jorge Amado Telefone:3525-9720
Teatro Jorge Amado 8 de dezembro de 2017 – 14h R$ 10,00 (inteira) / R$ 5,00 (meia)

Leia mais

Fórum Social Mundial na Bahia acontecerá em Salvador

Salvador está a 100 dias de transformar-se no centro estratégico de debates e espaço de resistências a todas as formas de dominação e exclusão entre pessoas do mundo inteiro; que já estão em contagem regressiva para desembarcar na primeira capital do país para dizer: “outro mundo é possível”. 
A 13a edição do Fórum Social Mundial, em Salvador, acontecerá de 13 a 17 de março de 2018 e reunirá cerca de 150 mil representantes de movimentos sociais e organizações do mundo inteiro para realização de importantes debates.

A edição, que será na Bahia, abordará assuntos relacionados a defesa de causas sociais e ambientais em todo o mundo e contará com a presença de dirigentes sindicais do Brasil e de outros países, representantes de movimentos sociais, ONGs, pesquisadores, trabalhadores rurais e urbanos, estudantes e todos que possam contribuir para a pluralidade da construção de políticas mais justas e igualitárias. Entre as temáticas que serão debatidas durante os cinco dias de Fórum Social Mundial, a Assembleia Mundial de Mulheres está sendo aguardada com  expectativa de reunir mais de trinta mil mulheres de todo o mundo, no intuito  de unir, fortalecer e ampliar os esforços mundiais em defesa dos direitos da população feminina.

O principal ponto de convergência de debates e conferências será no Campus Ondina da Universidade Federal da Bahia, mas estão previstas atividades simultâneas em pontos específicos da capital baiana como Arena Fonte Nova, Estádio Roberto Santos (Pituaçu), Teatro Castro Alves, Concha Acústica, além das ações culturais no Centro Histórico, Praça Castro Alves, Espaço Xisto Bahia, Palácio Rio Branco. Haverá ainda caminhadas artísticas e marchas promovidas por diversos grupos.

O Fórum Social Mundial é o responsável por pautar na agenda global debates como o aumento das desigualdades produzidas pela financeira da economia. Também valorizou outros paradigmas do desenvolvimento, para além do desenvolvimento econômico, como é o caso do “bem viver” defendido pelas populações indígenas, andinas e amazônicas. Mostrou alternativas econômicas como a economia solidária e aprofundou o papel da sociedade civil na política, inspirando uma nova cultura de participação nas agendas institucionais.

A partir de construções iniciadas nas diversas edições do FSM, surgiram articulações nacionais como o Fórum Brasileiro de Economia Solidária, além de parcerias internacionais. O Fórum também inspirou e contribuiu para implementação de políticas públicas por ser um espaço que atrai não apenas militantes mas muitos governantes que foram e são eleitos democraticamente e tiveram passagem pelos encontros, podendo implementar políticas inspiradas em propostas apresentadas no FSM.

O Fórum se tornou um espaço que reafirma a supremacia dos direitos humanos sobre os interesses econômicos e financeiros. Com a conjuntura econômica internacional adversa, há uma grande expectativa sobre o encontro de 2018. Uma nova Carta de Princípios deve ser aprovada na capital baiana, como forma de defender a democracia e assegurar a tomada de decisões políticas concretas.
Leia mais

World Press Photo em exposição na Caixa Cultural em Salvador

60ª EDIÇÃO DA WORLD PRESS PHOTO CHEGA À CAIXA CULTURAL SALVADOR COM DOIS BRASILEIROS PREMIADOS
Imagem do assassinato do embaixador russo é vencedora do prêmio principal.

A cidade de Salvador recebe, pelo segundo ano consecutivo, a exposição World Press Photo, mostra mais importante do fotojornalismo mundial que reúne os registros mais impactantes de 2016. A 60ª edição da exposição chega à Caixa Cultural Salvador a partir do dia 13 de dezembro e segue disponível para visitação até o dia 04 de fevereiro, de terça a domingo, das 09 às 18h, na Rua Carlos Gomes, 57, Centro. O acesso é gratuito, com classificação indicativa a partir de 14 anos.

São 154 imagens sobre temas variados como política, economia, esportes, cultura e meio ambiente. Entre as temáticas, a crise dos refugiados em função dos conflitos na África e Oriente Médio é o assunto que tem maior presença e repercussão nesta edição da mostra. “São imagens de quase dois metros de largura, que fazem as pessoas sentirem como se estivessem dentro da fotografia, com toda a emoção daquele momento e a intensidade do conflito retratado”, conta Rafael Ferraz, diretor executivo da Capadócia Produtora Cultural, que há dez anos realiza a exposição no Brasil. “A World Press Photo é uma exposição anual e queremos que a mostra se estabeleça no calendário cultural da cidade de Salvador, que todos os anos, em dezembro, as pessoas já saibam que vão conferir essa retrospectiva da nossa história recente”, comenta. 

Este ano, o Brasil tem participação expressiva. Os fotógrafos Lalo de Almeida e Felipe Dana foram premiados e o Rio de Janeiro foi cenário de imagens vencedoras nas categorias Esportes e Assuntos Contemporâneos. A exposição é realizada em 45 países e vista por mais de quatro milhões de pessoas anualmente.  A cada edição, a WPP seleciona as melhores fotografias jornalísticas, através de um júri composto por profissionais de notória relevância na área de fotografia.

A fotografia vencedora - “Um assassinato na Turquia”​
A principal fotografia vencedora, a World Press Photo do Ano de 2016, foi “Um assassinato na Turquia”, do turco Burhan Ozbilici. O registro foi feito em dezembro de 2016, quando o policial Mevlut Mert, que estava de folga, atirou contra o embaixador da Rússia Andrei Karlov, em uma sala de exposições, em Ancara. Na imagem, o assassino aparece com a pistola na mão e o dedo em riste. Na ocasião, ele gritava: “Não se esqueçam de Alepo. Não se esqueçam da Síria”.

A foto esteve envolvida em certa polêmica e dividiu opiniões. O próprio presidente do júri - Stuart Franklin, também fotógrafo -  se opôs à escolha. Segundo ele, conceder o prêmio mais importante ao registro de um assassinato premeditado é amplificar a sua mensagem de violência. No entanto, a maioria prevaleceu e a foto foi selecionada. O júri do concurso é independente e a sua decisão é sempre respeitada pela Fundação World Press Photo.

“Foi uma decisão muito, muito difícil, mas, no final, a maioria sentiu que a foto era uma imagem explosiva e muito representativa do ódio contemporâneo. Nós realmente achamos que ela resumia o que uma World Press Photo do Ano deve ser e representar”, afirmou Mary F. Calvert, membro do júri. João Silva, também membro do júri, declarou: "Atualmente, vejo o mundo marchando para um abismo. Essa imagem é a face do ódio”.

Segundo Rafael Ferraz, essas imagens, produzidas por talentosos e bravos fotógrafos, nos dão o real conhecimento do que está acontecendo no mundo. “Não teríamos a real dimensão da crise dos refugiados, se não fossem essas fotografias. Espero que a exposição ajude as pessoas a se sensibilizarem e refletirem sobre os assuntos que estão afligindo o nosso planeta”, completa.

O Brasil na World Press Photo 2017
O brasileiro Lalo de Almeida, fotógrafo da Folha de S. Paulo, foi premiado pela primeira vez na World Press Photo.  Ele recebeu o 2º lugar na categoria Assuntos Contemporâneos com o sensível ensaio sobre bebês com microcefalia, vítimas do vírus da Zika no Nordeste - parte de um especial publicado pelo jornal em dezembro.

Já o brasileiro Felipe Dana, que trabalha para a agência The Associated Press, havia recebido uma Menção Honrosa em 2013. Este ano, no entanto, ele levou o terceiro lugar na categoria Notícias em Destaque, com a imagem “Batalha por Mosul”, feita no Iraque, durante a ofensiva das forças especiais iraquianas e das milícias aliadas para recuperar o controle da cidade tomada pelo Estado Islâmico.

O Brasil ainda está presente na foto do alemão Kai Oliver Pfaffenbach, que congelou o sorriso vitorioso do atleta jamaicano Usain Bolt na semi-final dos 100 metros rasos, nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. A imagem recebeu o 3º lugar na categoria Esporte, fotos individuais.
A série de fotos premiada com o 3º lugar na categoria Assuntos Contemporâneos (histórias) apresenta a realidade dos moradores de um conjunto habitacional abandonado em Campo Grande, no Rio de Janeiro. Os registros são do alemão Peter Bauza.

A premiação em números
O World Press Photo 2017 atraiu inscrições de todo o mundo: 5,034 fotógrafos de 126 nacionalidades inscreveram 80,408 imagens. O júri distribuiu prêmios em oito categorias para 45 fotógrafos de 25 países: Austrália, Brasil, Canadá, Chile, China, República Tcheca, Finlândia, França, Alemanha, Hungria, Índia, Irã, Itália, Paquistão, Filipinas, Romênia, Rússia, África do Sul, Espanha, Suécia, Síria, Nova Zelândia, Turquia, Grã-Bretanha e EUA.

A World Press Photo, organização independente sem fins lucrativos, promove o mais importante concurso internacional de fotojornalismo. A fundação está empenhada em apoiar e promover altos padrões de qualidade na fotografia, com o objetivo de gerar interesse e reconhecimento no grande público pelo trabalho dos fotógrafos e de outros jornalistas visuais, e pela livre troca de informações.
Para conhecer as fotografias vencedoras: http://www.worldpressphoto.org/collection/photo/2017

Serviço: Exposição World Press Photo 2017 Entrada franca
Visitação: 13 de dezembro a 04 de fevereiro de 2018 (terça-feira a domingo) Horário:  09h às 18h
Local: CAIXA Cultural Salvador Endereço: Rua Carlos Gomes, 57, Centro, Salvador-BA
Telefone: (71) 3421-4200 Classificação indicativa: não recomendado para menores de 14 anos
Patrocínio: Caixa Econômica Federal e Governo Federal 
Apoio: Reino dos Países Baixos e Jornal A Tarde
Leia mais

Fundador da Sociedade Baiana de Neurocirurgia recebe título de cidadania, na ALBA,

O neurocirurgião Márcio Cesar de Mello Brandão vai receber Título de Cidadão Baiano nesta sexta-feira (1º), às 10h, no Plenário da Assembleia Legislativa da Bahia, em Salvador.

“Extremamente atuante, doutor Márcio Brandão tem participação ativa no desenvolvimento de estudos de neurologia e neurocirurgia, possui diversas produções bibliográficas publicadas, é palestrante assíduo em congressos, afirmando sempre a necessidade de intensificar os estudos e avanços deste tão importante campo da medicina. Em razão de sua excepcional atuação e extrema dedicação em sua área, vamos homenageá-lo”, justificou Maria del Carmen, proponente da homenagem.

Membro fundador da Sociedade Nordestina de Neurocirurgia, da Sociedade de Neurocirurgia da Bahia, titular da Academia Brasileira de Neurocirurgia e membro titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, o mineiro Márcio Brandão, vive na Bahia há 35 anos.

Ao chegar ao estado, assumiu a função de neurocirurgião no Hospital Geral Roberto Santos, onde permanece até hoje, atualmente como chefe do Serviço de Neurocirurgia e Neurologia. Lá criou, em 1984, a única residência médica em Neurocirurgia da Bahia. Além de prestar serviços também no Hospital Jorge Valente, desde 1982, como neurocirurgião e chefiar o Serviço de Neurologia e Neurocirurgia do Hospital Aristides Maltez desde 2011, onde se dedica a prática da medicina, atendendo com excelência casos clínicos e cirúrgicos, dentre tantas outras atribuições, inclusive na área acadêmica.

Leia mais

Teatro Jorge Amado abre inscrições para o Projeto Teatro Jorge Amado de Verão

O TJA abre inscrições para a sua versão de verão do Projeto Teatro Escola Jorge Amado. As oficinas de Teatro, Fotografia, Dança Moderna e Produção Cultural acontecerão nas dependências do Teatro, de 8 de janeiro a 7 de fevereiro, custando apenas R$ 200,00 a inscrição.

O Projeto Teatro Escola Jorge Amado aproveita a energia gostosa do verão e lança sua versão pocket para o Projeto Teatro Escola Jorge Amado.
A proposta é ser uma versão mais curta do projeto, para que os alunos não fiquem parados durante as férias e ainda tenham tempo para curtir o verão. A duração é de um mês, mas com aulas mais intensivas e frequentes.

O Teatro Jorge Amado se prepara para entrar no ano de 2018 com ainda mais atividades para seu público do que no ano anterior. Além da versão de verão, o Projeto Teatro Escola Jorge Amado volta em sua versão completa e abre inscrições logo após o ano novo.

As inscrições de para o PROTEJA de Verão podem ser feitas através do Sympla.
Leia mais

Fagner recebe título de cidadão baiano

O cantor, ator e compositor Raimundo Fagner receberá o Título de Cidadão Baiano, na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), na próxima quinta-feira (30), às 15 horas. A honraria é de autoria dos deputados estaduais Sandro Regis (DEM) e Carlos Geilson (PSDB). O compositor, de 68 anos, é natural de Orós, no interior do Ceará, e mantém fãs por todo Brasil, assim como muitos baianos.

Leia mais

Curso Geologia no IGHB

A falha geológica de Salvador, além de temas como minerais, rochas, intemperismo, erosão, deslocamentos, deslizamentos, desmoronamentos, avalanches, Bacias sedimentares, terremotos e maremotos, além da estrutura da Terra, serão amplamente debatidos de hoje (27) até sexta (1) durante o curso "Geologia – para saber, bem viver e lidar com a terra", que acontece das 18h às 21h, no auditório do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (Piedade). As aulas serão ministradas pelo mestre em Geologia Rubens Antonio (autor do livro História Geológica da Bahia) e serão realizadas no auditório do IGHB (Piedade).

O IGHB é uma das 15 instituições apoiadas pelo programa Ações Continuadas a Instituições Culturais, iniciativa da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) através do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA).

SERVIÇO Curso Geologia  Instrutor: Rubens Antonio
Investimento do curso: R$ 120,00 (cento e vinte reais) 71 3329 4463 / 6336
Estudantes terão 50% de desconto na inscrição.
Inscrição no site: www.ighb.org.br IGHB - Avenida Joana Angélica, 43 - Piedade

Leia mais

Alavontê comanda festa em homenagem a Santa Barbara



A turma do Movimento Musical Alavontê vai antecipar as homenagens a Santa Bárbara com festa temática no Clube Espanhol, no dia 1 de dezembro. Na terceira edição do evento, criado pelos alavonteiros, o público deve vestir vermelho para entrar no clima de celebração pela padroeira dos bombeiros e dos mercados. Ricardo Chaves, Magary Lord, Jonga Cunha e Ramon Cruz prometem agitar o público com o som contagiante e o espírito de brincar do grupo que valoriza e estimula os festejos e as tradições baianas. A noite ainda contará com uma surpresa especial - o lançamento de uma música nova.
 
No repertório do “Alavontê de Santa Bárbara”, festa que exalta o convívio, a música e a alegria, não vão faltar sucessos autorais e da música baiana que marcaram a trajetória de cada integrante e que mexem com as memórias afetivas dos músicos e da plateia, apresentados com novos arranjos. Pingos de Amor, Malandrinha e Maluco Beleza  vão estar na animada setlist. O evento é uma realização do Alavontê em parceria com a Oquei Entretenimento e Jamil Acruz. Os ingressos já estão à venda nas lojas da Osklen.

Mais informações sobre o Alavontê
A valorização das comemorações regionais é uma marca registrada do grupo.  Os alavonteiros já contabilizam edições especiais em homenagem a Santa Bárbara, ao Senhor do Bonfim, Iemanjá, entre outras festas com referências folclóricas e tradicionais da cidade. Além disso, lançou os inéditos eventos temáticos "Alavontê de Mortalha", resgatando a vestimenta usada na década de 80 na folia momesca e o espírito lúdico carnavalesco; "Alaveillon", o Réveillon do Meio do Ano; "A Última Sexta-Feira do Ano: Agradecer" e o "Anarriê Alavontê", evento junino.
Leia mais

Tecon reúne especialistas em tecnologia, inovação e sustentabilidade

O VI Seminário de Logística, evento anualmente promovido pelo Terminal de Contêineres do Porto de Salvador (Tecon), será uma oportunidade para profissionais de variados segmentos se atualizarem e debaterem assuntos relacionados a logística integrada da cadeia de suprimentos. Nesta sexta edição, o tema será Tecnologia, Inovação e Sustentabilidade, com representantes de algumas das maiores empresas do Brasil e convidados de diversos setores da economia baiana. O evento será no dia 28 de novembro, a partir de 13h, no Hotel São Salvador.

O primeiro bloco abordará novas tecnologias e soluções em segurança da informação. Estarão presentes Guilherme Cruz, diretor de Tecnologia da Informação da Wilson Sons, e Luiz Rodrigo Tozzi, co-fundador e sócio da IPNET – provedora de soluções em cloud computing da Google. O segundo ciclo de palestras, regido pelo tema Inovações em práticas sustentáveis nas organizações terá a participação de Rogério Paixão, Coordenador Ambiental da Ferbasa e Guilherme Van Ham, Engenheiro Sênior da Vale S.A.
Por fim, será aberto debate sobre novas tecnologias aliadas aos ganhos em produtividade para a cadeia logística e a importância das práticas sustentáveis adotadas pelas organizações. Farão parte das discussões  Marco Grandchamps, Diretor de Negócios da Dupont, acompanhado por Carlos Cesar Santos, coordenador de cursos do Senai Cimatec (FIEB), e Edson Barbosa, arquiteto de Soluções da Cisco.

Consolidado na agenda empresarial da Bahia, o seminário de Logística do Tecon traz temas atuais, de interesse público, com o objetivo de fomentar o debate acerca de aspectos referentes à logística e demais agentes da cadeia, além de lançar novas propostas para o desenvolvimento econômico nacional. Em edições anteriores, levantou questões como o panorama e tendências para o transporte marítimo de cargas e o futuro da cabotagem na Bahia, trazendo avanços significativos para o setor.

As inscrições estão abertas a profissionais e podem ser feitas, gratuitamente, pelo e-mail marketing.tsv@teconsalvador.com.br até o dia 23 de novembro, próxima quinta-feira, limitado a 200 pessoas. Como de praxe, o Tecon Salvador propõe aos inscritos a doação de 1kg de alimento não-perecível para ajudar instituições de caridade da região. As doações serão recebidas no dia do evento.

Programação -Bloco 1 de palestras, às 14h - Novas tecnologias e soluções em segurança da informação;
Bloco 2 de palestras, às 16h - Inovações em práticas sustentáveis nas organizações;
Debate, às 17h - Novas tecnologias aliadas aos ganhos em produtividade para a cadeia logística e a importância das práticas sustentáveis adotadas pelas organizações.

SERVIÇO VI Seminário de Logística do Tecon Tema: Tecnologia, Inovação e Sustentabilidade
Quando: 28/11/2017, de 13h às 21h. Onde: Hotel São Salvador, Rua Dr. José Peroba, 244, Stiep.
Acesso: gratuito, com doação de 1kg de alimento. Inscrições: marketing.tsv@teconsalvador.com.br até 23/11.
Leia mais

Nelson Cerqueira lança livro na Cultura em Salvador

Martin – Judeu brasileiro e sem dinheiro, da Garimpo Editorial, tem sessão de autógrafos dia 29 de novembro na Livraria Cultura, no Salvador Shopping. Ambientado na Bahia e em diversas partes do mundo, livro mostra história de um judeu que, por meio de suas memórias, quer reescrever a si próprio

Jornalista, poeta, ensaísta, professor universitário e membro da Academia de Letras da Bahia, Nelson Cerqueira lança no próximo dia 29 de novembro, às 18 horas, na Livraria Cultura, no Salvador Shopping, seu 19o livro, o primeiro romance de ficção.

Martin – Judeu brasileiro e sem dinheiro, da Garimpo Editorial, mostra as aventuras, amores e dissabores de Martin Liebovitch, um personagem lutador, que tenta reescrever a si próprio por meio de suas memórias. A obra, ambientada em Jacobina, Salvador (Bahia), Nova Iorque (EUA), Braga (Portugal), Praga (República Tcheca), além de Berlim (Alemanha), é uma mistura realidade e imaginação. Conta a história de um judeu cuja família foge da guerra para tentar a sorte no Brasil e consegue construir uma vida de superação, humor, ambições, aventuras e apreciação pela gastronomia mundial.

Narrada por um jornalista anônimo, a trama é contada através de 13 encontros (jantares) entre o personagem principal e o jornalista-escritor, nos quais os fatos aparecem e se embolam de forma sincopada e não linear.

“São peças que não se encaixam, exatamente porque não precisam se encaixar. Cada capítulo é independente, como uma construção aberta, e cabe ao leitor construir a sua leitura”, explica o autor.  “Martin é um personagem complexo, que vive em um mundo que parece o desafiar. O romance nasceu de uma combinação entre realidade e imaginação, com fatos reais e uma ficção verossímil. Ele vive em confronto com a sua relação com a família, sua picante vida amorosa e os conflitos culturais”, adianta.

Além de uma trama envolvente, cada capítulo traz as receitas dos pratos servidos nos jantares, com o melhor da culinária feita pelos judeus no mundo. “A ideia é mergulhar na narrativa e poder ainda apreciar os sabores da deliciosa gastronomia judaica”, explica Nelson.

Autor – Baiano nascido em Irará, no interior do estado, Nelson Cerqueira é o atual titular da cadeira de número 4 da Academia de Letras da Bahia, na qual foi empossado no dia 11 de maio deste ano. Estudou filosofia e língua e literatura alemã, na Universidade Federal da Bahia (Ufba), economia e filosofia na França e Alemanha, teve passagem pela academia de filosofia de Florença. Também é mestre e doutor em Literatura Comparada pela Indiana University (Estados Unidos).

Entre suas obras se destacam:

PÊNDULO. Uma coleção de 70 poemas, de um conjunto de 892, selecionados pelo poeta e professor de literatura Ildázio Tavares, a seu critério, com tema sobre linguagem, poesia, amor, vida, morte e sociedade

HERMENÊUTICA & LITERATURA. Um estudo hermenêutico dos romances Vidas Secas, de Graciliano Ramos, e As I Lay Dying, de William Faulkner, traduzido do original inglês por Yvenio Azevedo, explorando contexto social, personagens, ponto de vista, ideologia, alienação e interpretação.

A CRÍTICA MARXISTA DE FRANZ KAFKA. Um debate com Geog Lukscs acerca de sua refutação da obra de Kafka como escritor realista, traduzido do original A Marxist Cristicism of Franz Kafka, por Yvenio Azevedo. O estudo está centrado na teoria marxista da literatura e fornece uma visão de julgamento diante do texto; assim como o papel social de Kafka na sociedade tcheca.

UMA VISITA A JORGE AMADO. Livro de hermenêutica e interpretação de texto, análise acerca de questões de intencionalidade do autor, origem do conhecimento e diálogo com o leitor, focando na atmosfera dos anos de 1920 e desconstruindo os conteúdos de Amado como intelectual comunista, a influência do Partido sobre sua obra, estudo de dois de seus romances: Tereza Batista e Capitães das areias. Entendimento da unicidade da obra literária de Amado e um diálogo com Michail Bahktin para a carnavalização revolucionária da narrativa, o que refuta as tendências de segmentar sua obra de duas fases.

A ESTÉTICA DA RECEPÇÃO DA POESIA DE AGOSTINHO NETO. Estudo que visa investigar a recepção da poesia de Antonio Agostinho Neto, poeta Angolano e primeiro presidente da Angola independente, nas universidades americanas sob a luz teórica da recepção, almejando uma melhor compreensão da dimensão poética de sua obra. O livro aborda os antecedentes históricos que levam Agostinho à poesia, as questões entre identidade poética e social, o uso da evocação como fenômeno criativo e análises do poeta como combatente e lírico. Há capítulos especiais sobre sua recepção na Universidade de Indiana, sua resposta ao conceito de poesia e revolução na visão de Jean Paul Sartre.

Serviço:Lançamento do livro Martin – Judeu brasileiro e sem dinheiro, de Nelson Cerqueira
Dia 29 de novembro, das 18h às 20h30 Garimpo Editorial – R$ 39,90
Local: Livraria Cultura – Salvador Shopping - Av. Tancredo Neves, 3133, Caminho das Árvores
Leia mais

Gabriela Moraes leva o Arrochanejo para a 1ª. ExpoIrará


A rainha do Arrochanejo comanda show no dia 02 de dezembro no palco principal

Entre as atrações da 1ª. ExpoIrará, feira regional ligada a agricultura familiar, turismo, cultura e sustentabilidade, é a cantora Gabriela Moraes, uma das mais esperadas, a qual realizará um show exclusivo com grandes sucessos e vai unir canções do arrocha e do sertanejo. A apresentação, com entrada gratuita, será no dia 02 de dezembro, na Fazenda Saco Velho, em Irará.

Gabriela Moraes ficou nacionalmente conhecida em 2012, quando lançou o clipe da sua música "Pedida Perfeita (Tatararatatá)", composição do renomado Cassio Sampaio. Outro estrondo na carreira foi quando atingiu a marca de mais de 2 milhões de visualizações no YouTube com a música “Sentimentos São”, do filme a Bela e a Fera.

A cantora vai dividir a programação do evento com as atrações: Unha Pintada, Parangolé, Pegada Love, ìtalo Cigano, entre outras. Mais informações por meio do site: www.expoirara.com.br.

Serviço: Show da cantora Gabriela Moraes na 1ª. ExpoIrará
Quando: 02 de dezembro Ingresso: Entrada gratuita
Local: Fazenda Saco Velho, referência Bar de Baly, em Irará-BA
Leia mais

UFBA comemora 50 anos da criação dos cursos de pós-graduação

Há 50 anos, nascia oficialmente a pós-graduação na Universidade Federal da Bahia.  A aprovação do regimento para o funcionamento dos primeiros cursos de mestrado da UFBA aconteceu na sessão do Conselho Universitário, realizada no dia 23 de novembro de 1967 e presidida pelo reitor da época, professor Roberto Santos.  De acordo com uma pesquisa realizada pelos professores Dora Leal Rosa e Robert Verhine, “a pós-graduação na UFBA nasceu com a missão de ampliar a qualificação dos docentes que já ministravam aulas nos cursos de graduação da Universidade e deveriam oferecer disciplinas que cobrissem as cinco grandes áreas do conhecimento”. 

Apesar da Portaria nº 384 de 14 de dezembro de 1967, baixada pelo reitor em exercício, Hernani Sávio Sobral, designar professores da casa para coordenar seis cursos de pós-graduação – Arlete Lima para Matemática; Alexandre Costa para Biologia; Antônio Machado Neto para Ciências Humanas; Raphael Selling para Química; Juarez Paraíso para Desenho e José Walter Vidal para Física – apenas dois cursos começaram, efetivamente, a partir do ano seguinte. 

“Dos cursos relacionados na portaria da Reitoria, somente Química e Ciências Humanas iniciaram as aulas, a partir do mês de maio de 1968.  Infelizmente, naquela ocasião, os mestrados nas áreas de Desenho e Física não foram implantados e ainda não temos informações precisas sobre o mestrado em Biologia. O curso de pós-graduação em matemática só se efetivou em 1969”, garantiram os professores Dora e Verhine.

Embora a área III (Humanas) tivesse sido a pioneira a lançar edital de seleção para a pós-graduação para o mestrado em Ciências Humanas, não foi a que evoluiu mais rapidamente, de acordo com o relatório do ano de 1974, sobre a demanda do ensino de pós-graduação na UFBA - cadastro de pós-graduação da Assessoria de Planejamento.  O documento registra que em 1969,  a expansão da pós-graduação se deu na área I (Exatas) com o funcionamento de quatro programas – Geofísica, Geociências, Química e Matemática – indicando a “política acertada da UFBA em desenvolver o conhecimento nos domínios das ciências exatas e da tecnologia, pois era o setor do conhecimento humano que mais requisitava especialistas pesquisadores, na sociedade daquele momento”.   

De acordos com os dados estatísticos reunidos, naquele ano havia 88 estudantes matriculados em cursos de pós-graduação stricto sensu, que estavam sob regulação da Câmara de Pós-Graduação da Universidade, regidos por normas e requisitos do Conselho Federal de Educação.  Entretanto, o professor Verhine destaca que anterior à resolução de 1967, a UFBA já tinha experiência com pós-graduação, mediante iniciativas isoladas, oferecidas por algumas unidades de ensino como cursos de doutoramento nas faculdades de Medicina e Direito e uma pós-graduação em Geofísica, impulsionada para as pesquisas na exploração de petróleo pela Petrobrás. 
Leia mais
 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©