1 2

Adama Paris, criadora da Black Fashion Week, é atração do Fórum Mercado Black em Salvador

A estilista senegalesa Adama Paris irá participar, nos dias 21 e 22 de novembro, do Fórum Mercado Black, espaço de reflexão, sensibilização e provocação sobre questões socioeconômicas e culturais entre coletivos e indivíduos da Diáspora Africana. Visando ao fortalecimento de um mercado de moda entre pessoas negras, aproximando empreendedores de diversas regiões da África aos brasileiros, o evento apresentará novas tendências para este nicho. Com apoio do Goethe-Institut Dakar, Adama estará na capital baiana no Programa de Residência Artística Vila Sul do Goethe-Institut Salvador-Bahia, que sediará o encontro. Duas modativistas da Bahia completam a grade central do projeto: Carol Barreto e Goya Lopes.

O Fórum Mercado Black se inicia com a mesa redonda “Moda, Cultura e Empreendedorismo Internacional”, com a participação do trio de frente – Adama Paris, Carol Barreto e Goya Lopes –, na terça-feira, 21 de novembro, às 14h. No mesmo dia, às 19h, acontece a abertura da “Mostra Artística Modativismo: Carol Barreto convida Adama Paris e Goya Lopes”, sob curadoria de Juci Reis e Flotar Programa. A mostra ficará aberta ao público até 14 de dezembro. 

No dia seguinte, quarta-feira, 22 de novembro, às 14h, um bate-papo com Adama será exclusivo para artistas e profissionais de moda negros. Neste momento, a estilista pretende conhecer os nomes da moda afro-baiana e conversar com a plateia sobre a sua trajetória profissional como empresária e ativista nas passarelas internacionais com o selo internacional Black Fashion Week.

O Fórum Mercado Black tem realização do Africa 900 e Reunion First Africa, com apoio do Goethe-Institut Dakar, Goethe-Institut Salvador-Bahia, Secretaria de Turismo do Estado da Bahia e Secretaria de Política para as Mulheres do Estado da Bahia.

MOSTRA ARTÍSTICA MODATIVISMO: CAROL BARRETO FINALIZA CIRCULAÇÃO INTERNACIONAL DA COLEÇÃO ASÈ – Depois de levar suas criações para algumas semanas de moda, galerias de arte e outros eventos internacionais – Bogotá, Chicago, Toronto, Paris, Dakar, Luanda e, recentemente, Nova York –, Carol Barreto finaliza o ano de 2017 atendendo ao convite de expor a Coleção Asè na Galeria do Goethe-Institut Salvador-Bahia.

A curadora do Studio Internacional Harmonipan e coordenadora do Flotar Programa, Juci Reis, está em Salvador para planejamento e construção da expografia desta que se intitula “Mostra Artística Modativismo: Carol Barreto convida Adama Paris e Goya Lopes”. Dez looks da Coleção Asè tomam lugar ao lado de criações de Adama Paris, com peças históricas de suas melhores coleções nos seus mais de 15 anos de carreira. Goya Lopes também integra a exposição com tecidos e roupas que marcam sua trajetória como a primeira referência da moda afro-brasileira. A abertura da mostra terá performance musical ao vivo, com trilha sonora da Coleção Asè, assinada por Laila Rosa com Iuri Passos e o Projeto Rum Alagbé do Ilê Iyá Omin Axé Iyá Massê – Terreiro do Gantois.

A Coleção Asè foi criada com 15 looks para desfile de moda em Luanda no Angola International Fashion Show em dezembro de 2016 e está em fase de conclusão da circulação internacional. Carol Barreto efetiva a metodologia de design participativo e a mostra conta com criações em audiovisual assinadas por Victor Mota e Mirella Ferreira, com styling de Tiago Estigarribia, produzidas nas ruas de Salvador, além de um videoarte de Luana Amaral, criado em Nova York, como produto da residência artística que vivenciaram no mês passado. As ações compõem também as atividades de contrapartida do projeto de Intercâmbio e Difusão, contemplado no Edital de Mobilidade Artística e Cultural 2017, tendo apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia. 

SOBRE AS MODATIVISTAS – Adama Amanda Ndiaye é a talentosa designer e empreendedora atrás da marca Adama Paris, onde incorpora o designer multicultural do novo milênio. Ela fez de diversas cidades de diferentes países a sua casa, permitindo-lhe testemunhar uma enorme variedade de tendências através dos anos. Sua odisseia global inspirou o espírito de seu trabalho: fashion feito na África para o mundo. Megalópoles urbanas são a fonte de inspiração para esta jovem cidadã afropolitana do século XXI. Adama Paris não constitui apenas um caminho dinâmico e elegante de vestir, mas também o espírito da mulher contemporânea, conectando culturas e contemplando aquelas que se recusam a ser definidas por uma imagem demasiadamente limitada e muitas vezes controlada. Imbuída do desejo de compartilhar fashion e de criar pontes multiculturais, Adama lançou muitos eventos, como a “Dakar Fashion Week”, há 15 anos, e, em 2010, a “Black Fashion Week”, em Praga, Montreal e Nova Iorque, além dos “Africa Fashion Awards”, os troféus da moda africana. Em 2014, ainda lançou no Senegal a “Fashion Africa TV” (FA TV), primeiro canal de televisão 100% dedicado à moda africana, exibido em 44 países da África, 33 países da Europa e 13 da América. Assim, Adama é uma fashion ativista que quer colocar a moda feita na África no mapa da moda mundial e também dar visibilidade à mulher negra na luta contra a discriminação e falta de oportunidades existentes nesta indústria.

Goya Lopes, artista plástica, designer de moda e de superfície, proprietária da marca Goya Lopes Design Brasileiro, loja de produtos afro-brasileiros localizada no Pelourinho, a baiana trabalha há mais de 30 anos neste mercado e hoje conta também com loja virtual. Formada na Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia (UFBA), fez especialização em Design na Itália e se consolidou como uma das mais importantes criadoras da moda afro-brasileira. Conhecida pelas estampas autorais que contam a história das pessoas negras no Brasil, Goya é uma ativista na moda. Seu desafio se coloca na manutenção da qualidade e visibilidade de sua marca e do seu trabalho de criação artística – que conta com largo trânsito internacional – ao longo das décadas, assim como na sua inserção no campo da representação política. Foi diretora geral da Associação Bahia Design (ABDesign) e diretora de Responsabilidade Social do Sindicato do Vestuário de Salvador e Regiões (SINDVEST). Foi convidada do Ministério da Cultura (MinC) para fazer parte do grupo de trabalho do Colegiado Setorial de Moda em 2009, delegada pela Bahia na Pré-Conferência Setorial de Moda e delegada pelo Nordeste na Conferência Nacional de Cultura, em Brasília, em 2010. Foi eleita no I Seminário Nacional de Moda e Cultura para o I Colegiado Setorial de Moda do MinC em 2010, tendo sido reeleita e permanecido até 2014. Faz parte do GT de Moda Afro-Brasileira da Associação Nacional da Moda Afro-Brasileira (ANAMAB).

Carol Barreto é designer de moda autoral, modativista, pesquisadora e docente do Departamento de Estudos Feministas e de Gênero da Universidade Federal da Bahia (UFBA). A artista, de relevante trânsito internacional, tem criado coleções com base nos fazeres artesanais do Nordeste do Brasil, transformando a passarela e a fotografia de moda num espaço de expressão de discurso antirracista, feminista e de ativismo político. Experimentando a metodologia de design participativo para a sua tese de doutorado por meio de processos de imersão nas etapas de criação e execução das peças, construiu um laboratório com a também designer e pesquisadora Claudia Soares, parceira há quatro coleções. Neste contexto, experimentaram as propostas conceituais elaboradas, compartilhando o processo de execução da coleção com estudantes de Arte e Moda. Carol Barreto contou com o apoio do Centro Técnico do Teatro Castro Alves e uma equipe composta por 50 pessoas que atuaram na confecção das peças, bordado, fotografia e vídeo. Na criação da Coleção Asè, aprofundou a sua pesquisa que reflete acerca da afrobrasilidade, focando no protagonismo das mulheres negras nas religiões de matriz africana. Por meio de matéria-prima adquirida em João Pessoa (PB), Recife (PE) e Salvador (BA), saias e vestidos surgem. Também toalhas de mesa, cortinas e outros materiais de decoração feitos em renda filé, bordados richelieu, crochê e outras tramas artesanais feitas com fios naturais e visualmente típicos de casas populares no Nordeste do Brasil. Assim, dá seguimento ao debate proposto pelas coleções que assina, quando se apropria ou redesenha os fazeres artesanais característicos de mulheres negras e pobres para construção de peças e imagens de moda, caracterizando um processo de ressignificação de tais técnicas artesanais, desafiando o conceito de arte hegemônico e as estratégias de subalternização impostas aos grupos socioeconomicamente desfavorecidos no Brasil.

FÓRUM MERCADO BLACK Quando: 21 e 22 de novembro (terça e quarta)
21/11, 14h: Mesa redonda “Moda, Cultura e Empreendedorismo Internacional”, com Adama Paris, Carol Barreto e Goya Lopes – Teatro do Goethe-Institut Salvador-Bahia
21/11, 19h: Abertura da “Mostra Artística Modativismo: Carol Barreto convida Adama Paris e Goya Lopes” – Galeria do Goethe-Institut Salvador-Bahia
22/11, 14h: Bate-papo com Adama Paris com artistas e profissionais de moda negros (apenas para convidados) – Teatro do 
Onde: Goethe-Institut Salvador-Bahia (Av. Sete de Setembro, 1809, Corredor da Vitória)
Quanto: Gratuito (entradas sujeitas à lotação dos espaços)
Leia mais

OFICINA DE TEATRO – Inscrições gratuitas abertas

 A Oficina de Teatro Ensaio tem como meta a experimentação Teatral e não a profissionalização de artistas. Criando um espaço para expansão pessoal a oficina aguça, através de jogos de teatrais, a criatividade do indivíduo. As inscrições são gratuitas e acontecem presencialmente na sede do CCE no Garcia e vão até 30 de Novembro (de Terça a Sexta das 14h às 20h) basta levar um documento de identificação (com foto) e endereço completo. As aulas acontecerão entre 20 de Janeiro e 24 de Março de 2018.

Serão quatro turmas divididas por faixa etária: (turma 1 - 12 a 16 anos) Terça e Quinta - 17h às 18:30h, (turma 2 - 20 a 60 anos) Terça e Quinta - 19:30h às 21:00h,  (turma 3 - 07 a 11 anos) Terça e Quinta - 16h às 17:30h, (turma 4 - 17 a 45 anos) Terça e Quinta - 18h às 19:30h. Baseada livremente em técnicas do Teatro improviso a oficina será ministrada pelos professores Vitor Alves e Eduardo Sena sob coordenação do diretor teatral, dramaturgo e produtor Fábio S. Tavares, e trará técnicas que buscam explorar ao máximo o lado criativo dos alunos em aulas 100% praticas que trazem os seguintes módulos: Desinibição; Criatividade e Memorização; Preparação Corporal, Vocal e Respiração; Construção da Personagem e Construção de Cenas com técnicas de interpretação, Noções de palco e Exercícios com jogos de improviso. 

O Centro Cultural Ensaio é uma instituição cultural que tem na arte o seu principal meio de expressão para se comunicar com o mundo. Está presente no mercado há mais de oito anos. O CCE, como é mais conhecido, é um espaço aberto a todas as formas de expressão artística e serve como berço de experimentos, laboratórios, pesquisas, produções e divulgação de grupos artísticos e artistas independentes. Atuando nas mais variadas formas de expressão artística - Teatro, Dança, Circo, Musica, Artes Plásticas e Visual - atualmente o espaço abriga grupos artísticos que realizam cursos e oficinas nos segmentos citados.

 EVENTO: Oficina Gratuita de Teatro – Para Iniciantes  QUANTO: Gratuito  
QUANDO: (turma 1 - 12 a 16 anos) Terça e Quinta - 17h às 18:30h, (turma 2 - 20 a 60 anos) Terça e Quinta - 19:30h às 21:00h,  (turma 3 - 07 a 11 anos) Terça e Quinta - 16h às 17:30h, (turma 4 - 17 a 45 anos) Terça e Quinta - 18h às 19:30h.
 LOCAL: Centro Cultural Ensaio (Av. Leovigildo Figueiras n º 58 – Garcia)
 INF.:71-3018. 7122/ 3328.3628
Leia mais

Cofic anuncia destaques do Prêmio de Educação na Cidade do Saber

O Prêmio de Incentivo à Educação realiza a sua cerimônia de premiação no dia 21 de novembro, às 14h30, no teatro da Cidade do Saber, em Camaçari. Serão premiadas duas escolas de Camaçari e duas de Dias d’Ávila, de um total de dez escolas selecionadas, cujos projetos foram implementados e acompanhados por uma comissão de educadores ao longo do ano letivo de 2017.

Promovido pelo Comitê de Fomento Industrial de Camaçari (Cofic), em parceria com as secretarias municipais de Educação dos municípios de Camaçari e Dias d’Avila, o Prêmio de Incentivo à Educação objetiva contribuir para fortalecimento do ensino e da aprendizagem nas escolas públicas, da educação infantil até o 9o ano do ensino fundamental. A premiação envolve não só os alunos como também os professores, familiares dos estudantes e a própria comunidade, com implementação de projetos baseados em temas atuais e motivadores.

As escolas com projetos indicados para a etapa final da premiação terão suas experiências pedagógicas transcritas em uma publicação a ser divulgada em toda a rede escolar dos dois municípios e o prêmio final será de R$ 10 mil por escola vencedora.  As ações pedagógicas desenvolvidas pelas escolas abordam diferentes conteúdos e metodologias, mas sempre com foco no desenvolvimento dos alunos em Leitura, Expressão Oral e Escrita.
Nesta edição, a Comissão de Avaliação do prêmio foi formada por Eliete Santana (mestre em Linguística e professora da Língua Portuguesa e Linquistica Aplicada da Faculdade Jorge Amado), Marieni Oliveira (pedagoga, com especialização em Psicopedagogia Clínica e Institucional), Rutildes Moreira da Fonseca (mestre em Letras, professora de Metodologia e Prática do Ensino do Português da UFBA), Ana Fernanda (jornalista e mestre em Estudos Multidisciplinares da Cultura pela UFBA), Jorge Amaral (biólogo, professor universitário, especialista em Projetos Estratégicos na área de Gestão Educacional, Socioeducação e Formação de Lideranças Comunitárias e Organizacionais).


ESCOLAS SELECIONADAS
Dias d'Ávila
Escola Anísio Teixeira
Escola Bosque
Escola Cristo Rei
Escola Florêncio Borges
Escola José Veloso
Camaçari
Escola Marina Tavares
Escola Parque Florestal
Escola Edgard Santos
Escola Denise Tavares
Escola Eustáquio Alves
Leia mais

Oratório de Natal do maestro Keiler Rego espalha música pela cidade

O maestro Keiler Rego pretende espalhar música pela cidade neste período natalino. A estreia do projeto está marcada para 2 de dezembro, às 18 horas, no Museu Carlos Costa Pinto. Nesse dia, haverá a estreia do Oratório de Natal e será lançada toda a programação musical do maestro desde o início de dezembro até o dia 6 de janeiro (Dia de Reis). As apresentações serão gratuitas e acontecerão em diversos espaços da capital baiana, levando a todos uma mensagem de fraternidade e paz.

Criado este ano, o Oratório de Natal tem a participação de quatro solistas e do grupo coral formado por pessoas da comunidade, que passaram por oficinas realizadas pelo próprio Keiler Rego e o maestro Carlos Veiga Filho, ao longo de três meses, com aulas semanais de técnicas vocais.

O Oratório contextualiza a história bíblica do nascimento de Jesus Cristo e tem um repertório eclético e animado, incluindo não apenas cantos natalinos como hits da MPB, como Preta, Pretinha (Novos Baianos), Andar com Fé (Gilberto Gil) e Trem Bala(Ana Vilela).  Entre as canções mais tradicionais, não faltarão Boas Festas, de Alceu Valente, e Então é Natal, de John Lennon.
Leia mais

UFBA promove seminário sobre arquitetura afro-brasileira

Como parte da programação do Novembro Negro da UFBa, o seminário ‘’Salvador e Suas Cores 2017: Arquiteturas Afro-brasileiras – Um Campo em Construção’’ será realizado nos dias 23, 24 e 25 de novembro, na Faculdade de Arquitetura. Promovido pelo grupo de pesquisa EtniCidades, voltado para estudos étnicos e raciais em arquitetura e urbanismo, e pela  Pró-Reitoria de Ações Afirmativas e Assistência Estudantil, o evento quer debater a relação do Negro com a edificação de arquiteturas, territórios e cidades no Brasil.

Coordenado pelo professor Fábio Velame, o grupo EtniCidades surgiu da experiência de uma atividade curricular em comunidade e sociedade na UFBA em 2013, sob o título Arquiteturas de Povos e Comunidades Tradicionais: Arquiteturas do Quilombo Salamina Putumuju, e de um curso de extensão sobre Arquiteturas Afro-brasileiras, realizado na Faculdade de Arquitetura.

O seminário tem como objetivo promover a construção de um campo de debate na esfera disciplinar da Arquitetura e Urbanismo sobre as questões étnico-raciais em suas relações com a Arquitetura, Cidade e Urbanismo. A maior ênfase, notadamente, será dada em relação ao legado civilizatório dos africanos no Brasil, que ainda apresenta uma lacuna na formação de arquitetos e urbanistas, na historiografia e teoria da arquitetura, no planejamento de cidades e projetos arquitetônicos.

Casas em cidade africana
Nos três dias de seminário haverá palestras, mostra fílmica, rodas de conversa e apresentação de artigos de 11 grupos temáticos. São eles: Arquiteturas Africanas; Cidades Africanas;Diáspora Africana no Atlântico Negro:Cidades Diaspóricas; Escravidão e Cidades;Racismo e Cidade: Segregação Racial nas Cidades Brasileiras;Bairros Negros:Territórios da Negritude;Arquiteturas de Quilombos;Arquiteturas Templos Religiosos de Matrizes Africanas;Arquiteturas do Lúdico Afro-Brasileiro; Estatuto da Igualdade Racial e Cidade: Políticas Públicas Projetos e Ações para a População Negra e Cidade e, por fim, Questões Étnico-raciais e a Formação de Arquitetos e Urbanistas

No último dia do seminário serão realizadas visitas guiadas à Pedra de Xangô e ao Terreiro Mutalombo Yê Kaiongo, ambos em Cajazeiras. Confira mais sobre a programação no site: https://etnicidadesarq.wixsite.com/sssc2017
Leia mais

Planet Hemp, Cone Crew, Onze:20, Baiana System e Massa Sonora em Salvador

De 19 a 26 de novembro, Lauro de Freitas vai respirar a cultura do skate.  Antes das rodinhas deslizarem nas pistas, as boas vindas serão dadas por bandas que são destaques nacionalmente. Planet Hemp, Cone Crew, Onze:20, Baiana System e Massa Sonora em um show que acontece no próximo domingo, dia 19, a partir das 15 horas, no Kartódromo de Lauro de Freitas.

Planet Hemp é uma banda de rap rock criada por Mrcelo D2 e Skunk em 1993 no Rio de Janeiro, tendo como integrantes originais Marcelo D2, Rafael Crespo, BNegão, Formigão e Bacalhau. Ao todo já gravaram três álbuns: Usuário (1995), Os Cães Ladram, mas a Caravana Não Pára (1997) e A Invasão do sagaz Homem Fumaça, em 2000.

ConeCrew Diretoria é um grupo de rap carioca que figura entre os maiores representantes da cena independente brasileira. Com 11 anos de estrada, mais de 320 mil downloads de seus álbuns. Agora, em 2017, lançam o álbum ‘Bonde da Madrugada 2’ e saem em tour. A ConeCrew
​ ​
Diretoria conta com mais de dois milhões de fãs no Facebook, 480 mil seguidores no Instagram, 370 mil no Twitter e mais de 120 milhões de visualizações e 638 mil inscritos em seu canal oficial no YouTube. São mais de 192 mil seguidores no Spotify, com mais de 40 milhões de plays. 

A Onze:20 é uma banda de reggae formada em 2006, Juiz de Fora, Mg.  O nome é a hora exata em que os integrantes da banda se perguntavam qual seria o nome da banda. A banda criou um estilo para denominar, chamado RootsRockReggae. Ficaram conhecidos nacionalmente com a música "Meu Lugar", que está no segundo disco da banda, chamado Nossa Barraca.

Comandada por Russo Passapusso, em seus shows a BaianaSystem apresenta riffs de guitarras, muita percussão e batidas eletrônicas que servem como pano de fundo para a crítica e a discussão de diversas questões sociais. Inspirada no Sound System jamaicano com tempero brasileiro, a atração surgiu em 2009.  Em 2017 lançou a canção Capim Guiné.  Em 2016, ganhou visibilidade internacional com a faixa "Playsom", que faz parte da trilha sonora do jogo “Fifa 2016”. A canção faz parte do segundo álbum do grupo, Duas Cidades.

Formada por Tiago Velame (atualmente no The Voice Brasil - vocal),  Tássio Bacelar (guitarra), Thiago Andrade (bateria) e Rodrigo Baloubet (baixo) a  Massa Sonora que vem ganhando espaço no cenário musical brasileiro desde que surgiu, em 2009. o grupo de pop rock dialoga com as diferentes vertentes do gênero e apresenta no estúdio e no palco sonoridade singular e muita personalidade. No repertório, releituras nacionais e internacionais de artistas e bandas que inspiram seus músicos, com destaque para canções autorais.

A arena de show será montada em um espaço amplo e confortável para receber a expectativa de público de dez mil pessoas. O evento, que está na primeira edição é um festival de rua que promove a cultura do skate e do hip hop. Dentro da programação, shows, disputas de break, atividades de grafite, oficinas e outras apresentações culturais, realizando ainda, o Campeonato Amador a nível Nacional de Street e um Desafio Internacional de Half Pipe, chancelado pelo CBSK (Confederação Brasileira de Skate).

O evento musical é uma realização daNa Boa Produções e tem o patrocínio da Oi e do Governo do Estado da Bahia, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretariade Cultura do estado da Bahia.   
  
Bahia StreetArt Festival - Entre os dias 19 e 26 de novembro o foco na Bahia estará nos pés. Nestes dias Lauro de Freitas recebe a primeira edição do Bahia Street Art Festival (BSAF), um festival de rua que promove a cultura do skate e do hip hop. Grandes nomes do esporte e da musica estarão no estado para referenciar a prancha com rodinhas.

Dentro da programação, shows, disputas de break, atividades de grafite, oficinas e outras apresentações culturais, realizando ainda, o Campeonato Amador a nível Nacional de Street e um Desafio Internacional de Half Pipe, chancelado pelo CBSK (Confederação Brasileira de Skate).
  
Serviço: Show Abertura: 19 de Novembro Horário: Abertura dos portões 15h
Local: Kartódromo Ayrton Sena Endereço: Ipitanga, Lauro de Freitas – BA Censura: 16 anos
Valor Ingressos: *​Pista Inteira R$ 50,00 e Pista Meia R$ 25,00 
*​Pista Passaporte R$ 80,00 (passaporte com acesso pista para show dia 19/11 e show dia 26/11)
*​Kit Promocional R$ 120,00 (boné e copo exclusivo do evento, acesso a área Vip só para convidados). 
PONTOS DE VENDAS: 
Ticket Mix; Balcões de ingressos; Balcões Pida; Lojas South; Lojas Chilli Beans; Top Trip; Centralmix (Feira de Santana-BA); Globo Fest (Santo Antôniode Jesus-BA); Eba Ingressos (Jequié –BA); Chico Tuor (Camaçari-BA); Baú UNIFACS (Salvador-BA); Vivaz (Valença-BA); Via aplicativo (APP Safeticket) 
*On line: www.ticketmix.com.br; ingressos.safeticket.com.br; ibahia.com 
• SEM TAXA: Os Aprovados Cursos
- Avenida Luíz Tarquínio Pontes, Edifício Torre empresarial Em frente ao Gbarbosa e da Caixa Econômica.
Espaço Eu, Você e a casa - Av. Praia de Itapuã, 326, Vilas do Atlântico, Lauro de Freitas - Ao lado do restaurante Mariposa.  Informações: (71)3014-3834 
Leia mais

Livro “Caridade: Amor e Perversão” será lançado na UMBAHIA 2017

Realizado pelo CUMOA- Centro de Umbanda Místico Oxum-Apará a UMBAHIA 2017 que contará com o apoio do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC), celebra os 109 anos da Umbanda com um grande encontro de líderes religiosos e uma Feira exclusiva de Terreiros de Umbanda da Bahia. O Evento acontece dia 18 de novembro, das 9 às 18 horas, no Grand Hotel Stella Maris e reúne sacerdotes como Pai Rafael Moraes, dirigente da Tenda Umbandista Maria Senhora da Piedade e Cavaleiros de Jorge. O evento contará ainda com o lançamento do livro “Caridade: Amor e Perversão” de Pai Alexandre Cumino e Pai Rodrigo Queiroz. A obra é resultado da inquietação de dois sacerdotes de Umbanda ao perceber que o conceito de caridade trazido de outras vertentes religiosas para o ambiente de terreiro é, senão, uma venda de indulgência moderna.

Sobre os autores: Rodrigo Queiroz nasceu em berço católico e na adolescência vivenciou o protestantismo. No Espiritismo buscou respostas para os fatos da vida e da natureza estudando no Centro de Orientação e Educação Mediúnica (COEM) e cursando Espiritismo Científico, mas foi apenas na Umbanda que as encontrou. Rodrigo Queiroz se destaca pelo pioneirismo nas modalidades de estudo da religião, tendo como aporte o desbravamento de novas mídias, tecnologias e abordagem de discursos. Atualmente, é diretor da Umbanda EAD, onde também desenvolve e ministra estudos tendo como ideal o esclarecimento e a autonomia consciencial da comunidade umbandista.

Alexandre Cumino é cientista da Religião, bacharelado pela UNICLAR, diretor da AUEESP (Associação Umbandista e Espiritualista do Estado de São Paulo), médium de Umbanda atuante, sacerdote de Umbanda Sagrada e responsável pelo Colégio de Umbanda Sagrada Pena Branca.

O livro provoca grande reflexão quando o assunto é a caridade. “Na Umbanda, o papel de executor da caridade fica a encargo do médium que acredita ser esse agente “permitindo” a evolução dos guias por meio do trabalho mediúnico”, aponta os autores. Ao tocar nessa ferida, a obra passa a questionar a distorção de sentido da ação, mostrando que a caridade sempre acontece para que alguém, alcance algo. A literatura promete ser um profundo mergulho no conhecimento umbandista trazendo o debate de forma consciencial da religião em sociedade, discutindo sobre amor, ágape, e valores cristãos.
Para finalizar, apresentação de Ana Mametto, com participação de Rita Ribeiro, no show Tecnomacumba. 

​Serviço I Encontro de Umbanda da Bahia Quando: 18 de novembro(sábado)
Onde: Grand Hotel Stella Maris Endereço: R. Prof. Felipe Tiago Gomes, 5 - Praia do Flamengo, 
​Horário: 9 ​às 18 horas​  ​Inscrição: ​R$20,00 ou 3 kg de alimentos (não perecíveis)
Inscrições pelo site: ​http://www.umbahia.com.br/ -  Encerradas ​​Mais Informações: (71) 3561-1067​ 
Leia mais

Atriz carioca encena em Salvador peça que reconta a história do Prêmio Nobel da Paz Yitzhak Rabin

Com direção de Daniel Herz, o espetáculo é livremente inspirado no livro “Em nome da dor e da esperança”, de Noa Ben-Artzi Pelossof, neta do ex-primeiro-ministro israelense

Indicado em diversas categorias do Prêmio Cesgranrio de Teatro: Melhor Espetáculo, Melhor Direção, Melhor Cenografia e Melhor Iluminação (vencedora em Melhor Iluminação e Cenografia) e ao Prêmio Shell de Teatro de Melhor Iluminação, “Meu Saba” (em português: Meu Avô) – é o primeiro monólogo da atriz Clarissa Kahane, que reconta a história do ex-primeiro-ministro de Israel Yitzhak Rabin (1922-1995) e sua neta: Noa Ben-Artzi Pelossof, autora do livro “Em nome da dor e da esperança” (Editora Campus). Em 1994, Rabin recebeu o Prêmio Nobel da Paz por seus feitos nos acordos de paz entre o Estado de Israel e a Palestina.  No ano seguinte, foi assassinado por um judeu israelense que se opunha às negociações com os palestinos. Na obra, escrita 1 ano após a morte do avô, Noa relembra seu nascimento, sua infância na casa dele e suas conversas, a luta pela paz e as crises existenciais de uma adolescente em meio à guerra. “Meu Saba” estreou no Festival de Curitiba, fez temporadas no Rio de Janeiro e em São Paulo e agora aporta em Salvador, no Teatro SESI Rio Vermelho, dias 16 e 17/12, às 20h. Ingressos: R$ 20,00 (meia-entrada) e 40,00 (inteira).

O espetáculo se passa nos trinta segundos que a autora leva para se levantar e chegar ao palanque onde fará uma homenagem ao seu avô. Ela foi escolhida pela família para falar no dia do funeral de Yitzhak Rabin. Insegura, ela revive emoções em um jogo narrativo que mistura as lembranças da infância, marcada pela tragédia, resgatada pelo amor de sua família, o medo constante, o impacto caótico da guerra, o ódio de fora e também de dentro do país.

Encantada com o texto desde a primeira leitura - há mais de 10 anos – Clarissa Kahane ganhou o livro de sua avó, quando ainda era adolescente (aos 17), e decidiu, em parceria com o produtor Miguel Colker, levar esse relato emocionante para o teatro.  A montagem tem direção de Daniel Herz e consultoria dramatúrgica de Evelyn Disitzer. Nesse trabalho, a atriz dá continuidade à parceria com o diretor Daniel Herz, com quem trabalhou em diversos projetos como atriz e diretora assistente.

“Na insegurança de uma jovem em enfrentar o mundo com a palavra, ela precisa enfrentar os fragmentos de uma convivência intensa e amorosa com seu avô. Num momento de tantas incertezas, tantos radicalismos macabros, encenar “Meu Saba” traz um alento, a possibilidade da coexistência pacífica na diferença”, diz o diretor Daniel Herz.
O cenário criado por Bia Junqueira é minimalista e estrutural. Uma caixa branca abriga vários tijolos organizados em linha formando uma passarela. O trajeto representa o percurso que Noa irá percorrer até chegar ao púlpito, onde fará o discurso em homenagem ao avô. Também espalhados em diversos pedaços pelo palco, os tijolos representam a construção e a desconstrução da história, das memórias da autora. 

O figurino de Antônio Guedes procura transmitir a força e a delicadeza da mulher israelense. A roupa traz referências dos anos 90 com peças sobrepostas e estampas xadrez, dialogando com a estética  contemporânea da peça. Para viver Noa, Clarissa trocou os cabelos longos e loiros por um corte na altura dos ombros e ruivo. Em cena, ela veste uma camiseta-body de tule preto, por cima um vestido xadrez em tons escuros. Uma bota de cano curto completa o figurino.

“Meu Saba” tem produção da Palavra Z Produções Culturais, direção de produção de Bruno Mariozz e conta com patrocínio da Klabin S.A. através da Lei Rouanet.
Leia mais

Elza Soares realiza show na Concha Acústica em Salvador

A cantora carioca Elza Soares, considerada a "voz do milênio" pela BBC de Londres, vencedora do Grammy 2016, faz apresentação inédita em Salvador no dia 10 de dezembro, na Concha Acústica do TCA, com o luxuoso show "Elza Canta e Chora Lupi", que traz no repertório canções de Lupicínio Rodrigues, compositor que deu a artista o primeiro sucesso de sua carreira "Se Acaso Você Chegasse" gravado em 1960. 

O evento que marca a entrega da premiação do XV Festival de Música Educadora FM terá ainda o show de abertura da baiana Larissa Luz com as músicas do seu álbum "Território Conquistado", segundo da sua carreira. Os ingressos já estão à venda a preços populares, R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) e podem ser encontrados na bilheteria do TCA, SAC's dos Shoppings Barra e Bela Vista e através do site Ingresso Rápido. O show conta com realização da Íris Produções em parceria com a TVE/IRDEB.

Elza Soares – A premiada Elza Soares é ícone da música popular brasileira e possui em sua extensa discografia álbuns de bossa nova, rock, samba, jazz, sambalanço, samba rock e hip-hop. Sua carreira celebra mais de seis décadas de sucesso e atualmente vive uma apoteose com grande destaque na imprensa, forte presença na web e entre o público jovem,  além de novos projetos, lançamentos musicais e consolidada turnê pelo Brasil, Estados Unidos e Europa. A voz rouca e vibrante é sua marca registrada, e seu estilo "levado" e bem-humorado fascina o público no Brasil e no exterior, onde é aclamada como uma das mais importantes artistas pop do mundo.

XV Festival de Música Educadora FM – Ele chega à décima quinta edição mantendo o objetivo original de estimular a produção musical independente baiana. O evento dá visibilidade ao trabalho de jovens artistas – com pouco espaço na mídia tradicional – através da veiculação na rádio. Neste ano o Festival teve 285 participantes com 401 obras inscritas, entre músicas com letra e instrumentais. A primeira fase da competição é marcada pela escolha das 50 selecionadas pela comissão julgadora. Em seguida, as músicas entram na programação da Educadora FM e vão para voto popular no site do Festival, http://www.festivaleducadora.com.br. Assim como nos anos anteriores, os internautas votaram e escolheram as 14 mais do 14º Festival de Música da Rádio Educadora FM. As composições farão parte do CD desta edição do festival e, na noite da premiação, os seis vencedores serão anunciados nas categorias: Melhor Música com Letra; Melhor Música Instrumental; Melhor Intérprete de Música com Letra; Melhor Intérprete de Música Instrumental; Melhor Arranjo para Música com Letra; e Melhor Arranjo para Música Instrumental. Em 2018 a Rádio Educadora FM faz 40 anos de história na música e na cultura baiana.

SERVIÇO Elza Canta Lupi - XV Festival de Música Educadora FM Abertura Larissa Luz
Dia: 10 de dezembro Horário: 18h Classificação: 14 anos Informações: (71) 3003-0595
Ingressos: Pista R$ 40 (Inteira) e R$ 20 (Meia) | Camarote R$ 80 (Inteira) e R$ 40 (Meia);
Local: Concha Acústica Endereço: Praça Dois de Julho, S/N Campo Grande – Salvador/BA
Vendas: No site www.ingressorapido.com.br, na bilheteria do Teatro Castro Alves e nos SAC's dos Shoppings Barra e Bela Vista Realização: Íris Produções e TVE/IRDEB 
Leia mais

ArquiMemória reunirá especialistas mundiais da arquitetura



O italiano Andrea Bruno, consultor da Unesco em Restauração e Conservação do Patrimônio Histórico e Cultural desde 1974, será um dos palestrantes.

Faltam poucos dias para a abertura do ArquiMemória 5 – principal encontro sobre a preservação do patrimônio edificado realizado no Brasil. Arquitetos,  gestores públicos e outros profissionais atuantes na área podem garantir suas vagas se inscrevendo diretamente no site http://iab-ba.org.br/arquimemoria5/.  O evento será realizado em Salvador, entre os dias 27 de novembro e 1ª de dezembro, e reunirá especialistas de mais de 20 países e de todo o Brasil para debater o tema: “O global, o nacional e o local na preservação do patrimônio”. Referências mundiais da arquitetura e do restauro, como os italianos Andrea Bruno e Marco Dezzi Bardeschi, o alemão Alexander Schwarz e o argentino Ramon Gutiérrez, estão entre os conferencistas confirmados.
Destaques da programação

A programação do ArquiMemória 5 está dividida em três eixos temáticos: “A circulação de conceitos e teorias”, “Instituições e sociedade: global, nacional e local” e “Projeto e tecnologia: formação e prática”. A estrutura é composta por conferências, mesas redondas temáticas, sessões de comunicações, colóquios temáticos, exposição de projetos e feira do ArquiMémoria.

Representado pelo arquiteto David Barragán, o premiado coletivo de arquitetos equatorianos Al Borde realiza uma conferência no primeiro dia do evento, 27/11, no Teatro Castro Alves. Seguidores da arquitetura do “fazer muito com pouco”, os projetos do grupo buscam impulsionar o desenvolvimento local e a inovação social. Barragán vem compartilhar as experiências vivenciadas em Quito, no Equador, especialmente o projeto “Casa em Construção” - uma estratégia inovadora de restauração e refuncionalização de uma casa do Centro Histórico, onde funciona a sede do Al Borde. A recuperação da casa é feita com baixo custo, uso consciente dos recursos locais e material reciclado.

No segundo dia de evento, 28/11, pela manhã, haverá o ciclo de conferências “Projeto e canteiro: experiências recentes na Itália e no Brasil”, com palestras de Marco Dezzi Bardeschi, Professor Titular de Restauração Arquitetônica do Politécnico de Milão, Maria Margarita Segarra Lagunes, Professora da Universidade de Roma, Giacomo Pirazzoli, Professor da Universidade de Florença, e Luiz Fernando de Almeida, diretor-presidente do Instituto Pedra e ex Presidente do IPHAN.

Os desafios da preservação do patrimônio dos séculos XX e XXI serão abordados nas palestras realizadas pela Diretora Regional de Cultura do Alentejo (Portugal),Ana Amendoeira, pelo Subdiretor de Patrimônio Mundial do INAH – Instituto Nacional de Antropologia e História do México, Francisco Vidargas, e pelo Professor Flávio Carsalade, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que foi o responsável pela recente inscrição do conjunto arquitetônico da Pampulha, projetado por Oscar Niemeyer em Belo Horizonte, na Lista do Patrimônio Mundial da Unesco. Os especialistas integram o ciclo de conferências “Arquitetura e urbanismo modernos na Lista do Patrimônio Mundial da Unesco”, que será realizado no dia 29/11, pela manhã .

As atividades do ArquiMemória5 acontecerão em uma série de edifícios tombados localizados no Campo Grande, Centro de Salvador, e arredores. Em dois dias, a programação do evento acontecerá na sala principal do Teatro Castro Alves (TCA): a abertura, no dia 27 de novembro, a partir das 9h e a jornada especial dedicada aos 80 anos do IPHAN e aos 50 anos do IPAC e do TCA, realizada no dia 30 de novembro.

O Salão Nobre da Reitoria da UFBA, a Reitoria do Instituto Federal da Bahia (IFBA), antiga sede do Colégio Maristas e o Teatro Martim Gonçalves da Escola de Teatro da UFBA também receberão uma série de atividades do ArquiMemória 5. Parte da programação do ArquiMemória 5 será realizada no Sheraton Hotel da Bahia, hotel oficial do evento.

Lançamentos e Exposição 
Durante o evento serão lançados mais de 20 livros, de autores do Brasil, Alemanha, México e Itália. No dia 30/11, será lançado o livro “A cidade-atração: a norma de preservação de áreas centrais no Brasil dos anos 1990”, de autoria da arquiteta e professora da UFBA Márcia Sant’Anna. Mais de 40 projetos selecionados serão expostos no salão do Sheraton da Bahia Hotel. No local, acontecerão sessões de apresentação dos trabalhos expostos e debates.

SERVIÇO : ArquiMemória 5: “O global, o nacional e o local na preservação do patrimônio”
QUANDO: 27 de novembro a 1º de dezembro, em Salvador.
INFORMAÇÕES E INCRIÇÕES: http://iab-ba.org.br/arquimemoria5
Leia mais

Simpósio de Uro-Oncologia da Bahia

Câncer de próstata, de bexiga, de rim e de pênis estão entre os temas que serão apresentados na segunda edição do Simpósio de Uro-Oncologia da Bahia que acontece entre os dias 24 e 25 de novembro, no Sheraton Hotel da Bahia. 
O evento, promovido pelo Grupo de Uro-Oncologia da Bahia, tem expectativa de receber 150 participantes entre urologistas, oncologistas, radiologistas, radioterapeutas, fisioterapeutas, nutricionistas, médicos nucleares e estudantes destas áreas. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas através do site da ABM (Associação Baiana de Medicina) http://www.abmeventos.org.br/evento/ii-simposio-de-uro-oncologia-da-bahia/index.html . 
Leia mais

Forrozeiros se reúnem em prol da campanha de Natal da LBV

A campanha visa arrecadar alimentos não perecíveis e doar para famílias que sofrem com a seca nas cidades do Sertão do São Francisco e famílias atendidas pelos Centros Comunitários de Assistência Social da LBV.

Unir música, solidariedade e diversão, é com essa finalidade que o cantor Jó Miranda, as bandas Raízes Forró Clube, o Trio Forró de 3 e o Trio Inês se reunirão no Encontro Solidário de Forrozeiros, no próximo dia 18 (sábado), às 20 horas, na Cabana do Bogary - Ribeira. Os ingressos custam R$10,00 e um quilo de alimento. Toda a renda será destinada para a campanha de Natal da Legião da Boa Vontade (LBV).

Campanha - Realizada anualmente, a Campanha Natal Permanente da LBV tem o objetivo de oferecer um Natal digno e feliz a milhares de famílias em situação de vulnerabilidade social em todo território Nacional.

Na Bahia, serão entregues 3.990 cestas de alimentos a famílias que sofrem com a seca nas cidades do Sertão do São Francisco (Juazeiro, Uauá, Curaçá e Sobradinho), na zona rural de Ipirá, além das famílias atendidas pelos Centros Comunitários de Assistência Social da LBV em Salvador, Lauro de Freitas, Itabuna e ONGS parceiras.

Cada cesta é composta de itens de acordo com os costumes de cada região tais como: arroz, feijão, óleo, açúcar, leite em pó, café, macarrão, farinha de mandioca e de trigo, fubá, goiabada, massa para bolo, extrato de tomate, goiabada, gelatina entre outros.


SERVIÇO Encontro Solidário de Forrozeiros Quando: Dia 18/11 (sábado), às 20 horas.
Onde: Cabana do Bogary (Av. Beira Mar, 440 – Ribeira – próximo ao The Best Beach).
Valor: R$: 10, 00 e um quilo de alimento. Informações: (71) 99287-1485/ 99231-8040
Leia mais

Shows da banda Raimundos na Bahia


Desde o início do ano, os fãs de Norte a Sul do país cantam em coro as músicas que marcaram os 20 anos de estrada dos Raimundos. Na Bahia, estes fãs poderão ver a banda de perto no próximo dia 26 de novembro, em Lauro de Freitas, no encerramento do Bahia StreetArt Festival, que acontecerá no Kartódromo Ayrton Sena. Na mesma noite se apresentam nomes como Rael, Projota, Gabriel O Pensador e Maneva.

A banda, que surgiu com três amigos no fim dos anos 80, começou a tocar na garagem da casa do Digão. Por serem filhos de nordestinos, tinham vários discos de forró e um chamava a atenção pela criatividade das letras. O peso do rock, aliado à malícia do forró. A safadeza e a sinceridade somados à distorção e velocidade em letras explícitas, levadas as últimas consequências, abordando temas diversos.

Raimundos segue sendo sinônimo de bom rock pauleira brasileiro, mostrando na prática que rock se canta também em bom português. Hoje, vinte anos depois do primeiro disco e algumas formações depois, a banda se reinventa sem perder a fidelidade pelas suas raízes e o peso característico.

Na turnê Raimundos 20 anos de estrada a banda apresenta show completo, com 20 "Hits" escolhidos pelos fãs em votação na internet e algumas músicas do trabalho mais recente, Cantigas de Garagem. A banda segue viajando o país com um reforço no repertório: seu mais novo sucesso, "Vida Inteira". A música, tema da atual temporada de Malhação – Seu Lugar no Mundo – é uma versão rock de "Meu Lugar", samba de Arlindo Cruz.

O evento musical é uma realização da Na Boa Produções e tem o patrocínio da Oi e do Governo do Estado da Bahia, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do estado da Bahia.   

Bahia StreetArt Festival - Entre os dias 19 e 26 de novembro o foco na Bahia estará nos pés. Nestes dias Lauro de Freitas recebe a primeira edição do Bahia Street Art Festival (BSAF), um festival de rua que promove a cultura do skate e do hip hop. Grandes nomes do esporte e da musica estarão no estado para referenciar a prancha com rodinhas.

Dentro da programação, shows, disputas de break, atividades de grafite, oficinas e outras apresentações culturais, realizando ainda, o Campeonato Amador a nível Nacional de Street e um Desafio Internacional de Half Pipe, chancelado pelo CBSK (Confederação Brasileira de Skate).

Show Abertura: 19 de Novembro (Domingo)
Dia 19 - Planet Hemp, Cone Crew, Onze:20, Baiana System e Massa Sonora

Show Encerramento26 de Novembro (Domingo)
Dia 26 - Projota, Raimundos, Rael, Gabriel O Pensador e Maneva. 
Serviço: Horário: Abertura dos portões 15h Censura: 16 anos
Local: Kartódromo Ayrton Sena Endereço: Ipitanga, Lauro de Freitas – BA
Valor Ingressos:
*​Pista Inteira R$ 50,00 e Pista Meia R$ 25,00
*​Pista Passaporte R$ 80,00 (passaporte com acesso pista para show dia 19/11 e show dia 26/11)
*​Kit Promocional R$ 120,00 (boné e copo exclusivo do evento, acesso a área Vip só para convidados).
PONTOS DE VENDAS:
Ticket Mix; Balcões de ingressos; Balcões Pida; Lojas South; Lojas Chilli Beans; Top Trip; Centralmix (Feira de Santana-BA); Globo Fest (Santo Antôniode Jesus-BA); Eba Ingressos (Jequié –BA); Chico Tuor (Camaçari-BA); Baú UNIFACS (Salvador-BA); Vivaz (Valença-BA); Via aplicativo (APP Safeticket)

*On line: www.ticketmix.com.bringressos.safeticket.com.bribahia.com 
• SEM TAXA:
Os Aprovados Cursos

- Avenida Luíz Tarquínio Pontes, Edifício Torre empresarial Em frente ao Gbarbosa e da Caixa Econômica.
Espaço Eu, Você e a casa - Av. Praia de Itapuã, 326, Vilas do Atlântico, Lauro de Freitas - Ao lado do restaurante Mariposa. 

Informações: (71)3014-3834

Leia mais

Ed Ribeiro lança livro autobiográfico com exposição

A EXPOSIÇÃO de Ed Ribeiro, "Universo dos ORIXÁS" e LANÇAMENTO do seu livro biográfico, "A VIDA COM DENDÊ" será na Praça Eng. CARLOS BATALHA no Rio Vermelho.
Data: 19 de novembro às 19:00 hs

 Com curadoria do Cineasta NEVILLE D'ALMEIDA:

"Uma mostra expressiva da obra de ED RIBEIRO, com pinturas que retratam o mundo mágico e misterioso do CANDOMBLÉ.Existem várias outras obras, mas este é o artista plástico que tem se dedicado como tema principal ao CANDOMBLÉ, muito importante para a Cultura Brasileira e para a formação Cultural do nosso País. O Brasil, se não mostrar todas as suas raízes e matrizes culturais, não será o Brasil.

ED RIBEIRO nos dá uma grande contribuição, por entender com profundidade toda a ligação da religião. É Arte, com a sensibilidade do nosso povo. E essa valorização da cultura brasileira, por meio das inúmeras manifestações culturais, que nós vamos, cada vez mais, ter a dimensão universal do que é a Arte Brasileira e o que é o trabalho deste artista, que além de ver todas as coisas de uma forma única e INOVADORA de pintar, porque, surpreendentemente, não usa pincel, não usa os dedos, não usa a mão. Ele faz todo seu trabalho DERRAMANDO AS TINTAS e movimentando a tela, criando imagens com detalhes e com a força de uma grandiosa obra.
Estamos sempre emocionados quando contemplam os os trabalhos deste grande artista plástico inovador.
Parabéns ED RIBEIRO, por levar os ORIXÁS,  para a Praça mais linda do Brasil, com este seu projeto do MOSAICO  em formato de SOL, que emana uma energia especial a todos que visitam a Praça, como já foi mencionada por diversos artistas, escritores... brasileiros"

      NEVILLE D'ALMEIDA
               Cineasta
Leia mais

LBV realiza Feijoada Beneficente

O valor arrecado será utilizado na compra de alimentos, que serão distribuídos em cestas, para famílias que sofrem com a seca, além das atendidas pela Instituição em Salvador e Lauro de Freitas.

A Legião da Boa Vontade promove neste domingo (12), a sua tradicional Feijoada Beneficente. A iniciativa busca arrecadar fundos para compor as cestas de alimentos que serão entregues pela Instituição, por meio da Campanha Natal Permanente da LBV – Jesus, o Pão Nosso de Cada Dia!.

Os ingressos estão disponíveis a R$ 15,00 (criança de 5 a 10 paga meia) e poderão ser adquiridos na hora da feijoada, ou antecipados no mesmo local do evento, no Centro Comunitário da Instituição, localizado na Ribeira.

Cada ingresso (exceto meia entrada) dá direito a uma cartela para participar do sorteio. Entre os brindes, serão sorteados diárias com acompanhante para o Gran Hotel Stella Mares e o Hotel Bahia Othon. O evento terá também música ao vivo, bazar e diversas brincadeiras para as crianças.
Na Bahia, serão quase 4 mil famílias beneficiadas. O objetivo da campanha é proporcionar um Natal mais feliz e sem fome a milhares de pessoas que vivem em situação de risco e vulnerabilidade social.

SERVIÇO: Feijoada Beneficente da LBV Quanto: R$ 15 por pessoa (criança de 5 a 10 paga meia)
Quando: 12 de novembro (Domingo) Horário: Das 10h às 15h
Onde: Centro Comunitário de Assistência Social da LBV - (Avenida Porto dos Mastros, 19 – Ribeira). Informações: (71) 3312-0555.
Leia mais

Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis se apresentam em Salvador

Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis se apresentam neste sábado (11) na Concha Acústica
O projeto 'Encontro Marcado' vai reunir as grandes vozes com mais de quatro décadas de carreira de sucesso e uma legião de fãs 

Neste sábado (11), a Concha Acústica recebe o grande show do ‘Encontro Marcado’, projeto que reúne Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis no mesmo palco. Com mais de quatro décadas de carreira de sucesso e uma legião de fãs, a apresentação será a partir das 19h. No repertório, 28 grandes clássicos, desde canções como “Dona”, “Planeta Sonho” e “Nascente”, até “Espanhola” (composição de Flávio Venturini e Guarabyra) que ganhou uma versão única, “Caçador de Mim” (composição de Sá e Sérgio Magrão) e “Sobradinho” que traz outra releitura e uma pegada mais rock com a base do 14 Bis. Estas músicas foram eternizadas na gravação do CD Duplo e DVD no ano passado. Os ingressos estão sendo vendidos na bilheteria do TCA, nos Sac's dos Shoppings Barra e Bela Vista e através do site Ingresso Rápido.

Serviço: Encontro Marcado - Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis
Data: 11 de novembro (sábado) Abertura dos portões: 17h30 Horário  show: 19h
Local: Concha Acústica do Teatro Castro Alves Classificação: 14 anos Informações: (71) 3003-0595
Vendas: Bilheterias do TCA, Sac's dos Shoppings Barra e Bela Vista e site Ingresso Rápido
Valores: Platéia - R$ 50 (meia) / R$100 (inteira) Camarote – R$ 100 (meia) / R$ 200 (inteira)

Leia mais

Piloto brasileiro garante o top 5 no Mundial de Motosurf


Mesmo sem seu equipamento próprio, Bruno Jacob conquistou pódio na etapa do Japão, finalizando o tour 2017 ente os cinco melhores do planeta

Motosurf é um esporte complexo, com logística complicada e diversas limitações. Porém, para o atleta brasileiro Bruno Jacob, nada disso é problema ou dificuldade. Maior representante brasileiro e sul americano na modalidade, ele acaba de finalizar o Mundial 2017 entre os top 5 do planeta.
Bruno disputou a última etapa do campeonato ao lado dos mais radicais pilotos, de todos os continentes. Mas sua moto aquática ficou na Bahia, onde mora e treina diariamente. O custo de transporte para o outro lado do globo é altíssimo e a logística é extremamente complicada. O aluguel do equipamento no Japão foi a única alternativa.
Se adaptou rapidamente ao jet, treinou durante dois dias e passou as classificatórias em 1º lugar. Depois de machucar o tornozelo em uma das manobras – ele voa a mais de 10 metros de altura nas ondas, finalizou a etapa em 3º lugar.
“Estou muito feliz em ter me classificado em 1º e ter conseguido chegar ao pódio mesmo tendo me machucado. É um grande resultado. São muitas dificuldades para chegar tão longe e hoje me sinto muito orgulhoso por representar o Brasil no mundo inteiro com resultados sempre expressivos” comenta o piloto de 30 anos.
Esse ano, Bruno Jacob disputou seis etapas, realizadas na França, Inglaterra, Portugal, Estados Unidos, Austrália e Japão. Na próxima semana, o atleta baiano participará do Sebastian Freeride, nos Estados Unidos e na sequência do Monster Energy Series, válido pela copa do Mundo de Motosurf Freeride, no México.
“Pela 1ª vez estarei em quatro países participando de quatro eventos em quatro semanas. É um grande desafio e estou confiante que farei meu melhor em busca de um lugar no pódio”, conclui o piloto, que representa o Brasil em competições desde os 15 anos.
Crédito das fotos: Chris Rauen
Leia mais

Festival Literário Minha Língua, Minha Pátria celebra a literatura de língua portuguesa em Salvador

Adriana Calcanhotto, José Bernardes, Joana Gorjão Henriques, Ana Margarida de Carvalho, Wlamyra Albuquerque e Patrícia Portela são os nomes confirmados para a edição do festival em Salvador.

O Instituto Eva Herz promove, no mês de novembro de 2017, o Minha Língua, Minha Pátria – festival literário que reúne escritores de Portugal, Brasil e Moçambique em Salvador e São Paulo. O objetivo é mostrar a nova produção literária em língua portuguesa e debater a obra consagrada de autores como Mia Couto, Milton Hatoum, e de clássicos como Luís de Camões. A capital baiana sedia o evento entre os dias 10 e 12 de novembro, no Teatro Eva Herz, na Livraria Cultura do Salvador Shopping.

Simone Duarte, curadora do festival, declara que a ideia é promover mais debates e encontros de escritores entre os países de língua portuguesa, e transformar o Minha Língua, Minha Pátria num evento anual, com mais países e em mais cidades brasileiras. “Sempre num ambiente informal e descontraído, o público brasileiro poderá descobrir escritores menos conhecidos e ao mesmo tempo ter acesso aos mais aclamados num diálogo literário entre países que falam a mesma língua”.

Programação em Salvador

Na Bahia, onde a primeira esquadra portuguesa chegou em 1500, tem início o festival com a poesia de Camões e sua relevância no século XXI, numa conversa entre Adriana Calcanhotto, atualmente embaixadora da Universidade de Coimbra no Brasil, e José Bernardes, diretor da Biblioteca da Universidade e um dos maiores estudiosos da obra de Camões. No segundo dia, partiremos para a literatura portuguesa da atualidade para debater o racismo, justamente no mês da consciência negra. A jornalista Joana Gorjão Henriques, que esteve na FLIP e escreveu o livro Racismo em português, e a escritora Ana Margarida de Carvalho, cujo livro Não se pode morar nos olhos de um gato é um dos finalistas do Prêmio Oceanos, conversam com a historiadora da Universidade Federal da Bahia Wlamyra Albuquerque. A edição baiana tem encerramento com o encontro entre Adriana Calcanhoto e a obra da escritora Patrícia Portela, num dueto entre Portugal e Brasil.

SERVIÇO: Salvador

·         Sexta-feira, 10 de novembro de 2017, às 19h30
Camões e o poder da poesia no século XXI, com Adriana Calcanhotto e José Bernardes.

·         Sábado, 11 de novembro de 2017, às 16h
Racismo da realidade à ficção: uma perspectiva feminina com Joana Gorjão Henriques e Ana Margarida de Carvalho. Moderadora: Wlamyra Albuquerque.

·         Domingo, 12 de novembro de 2017, às 16h
Dueto transatlântico com Adriana Calcanhoto e Patrícia Portela. Moderadora: Simone Duarte

Teatro Eva Herz, Livraria Cultura – Salvador Shopping ENTRADA FRANCA
Avenida Tancredo Neves, 2.915 - Piso 2 Caminho das Árvores – Salvador/BA
Como participar: No local: Os ingressos serão distribuídos 2 horas antes do inicio de cada evento.
Pela internet: todos os encontros serão transmitidos pela internet. Você poderá assisti-los no Facebook do Instituto Eva Herz.
Leia mais
 
Salvador Acontece - Copyright©2007 Salvador Acontece. Todos os direitos reservados. | by TNB-Adaptação:José Mendes ©